Felipinho escala provável 11a em Sete Lagoas - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Será a via mais dificil do Brasil?

Felipinho escala provável 11a em Sete Lagoas

Felipe Camargo Pikuira foi o primeiro brasileiro a mandar um 11a, feito realizado duas vezes no ano passado na Espanha. A via que ele mandou agora continua sem confirmação de grau, mas ele diz ser mais dificil que alguns 10c confirmados que ele já mandou.

Fonte:

No ano passado o escalador paulista Felipe Camargo rompeu uma barreira ao se tornar o primeiro brasileiro a , escalar um 11a confirmado na história de nossa escalada. Uma história aliás cheia de capítulos, nomes e decotes. Felipinho na ocasião mandou não somente um, mas dois 11a, Hulk e Pata Negra, ambas vias localizadas na Espanha.

No Brasil há diversas linhas difíceis que precisam de confirmação para se tornarem "oficialmente" os primeiros 11a do país, dentre elas a "Disciplina não ter, Jedi não será", via localizada em Caxias do Sul e encadenada por Vinicius Tordero. Há também extensões de vias famosas, como a Coquetel de Energia localizada no Rio. A escalada em Sete Lagoas esteve sempre de fora destes "points" mais badalados e famosos, mas os mineiros sempre avisaram que lá haviam projetos muito audaciosos. E não é que tinham razão?

A via "A dor é o poder", equipada pelo Alexandre Fei e escalada por Felipinho neste fim de semana, é muito provavel que seja um 11a, pois segundo Felipinho, ela é mais dificil que a Coquetel de Energia, que é um 10c. A via foi escalada na terceira tentativa e com duas quedas.

Na escalada esportiva o grau de uma via é determinado quando há o consenso de pelo menos três escaladores que encadenaram, por isso, oficialmente não há vias de 11a no Brasil, o que há é o ingresso de mais uma no roll dos possíveis 11a.

Leia mais: A história do 11a brasileiro.

Fotos: Gustavo Baxter.

Publicidade:


Publicidade

Publicidade