Santiago Quintero finaliza seu projeto Andes Xtremo - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
35 montanhas em 60 dias!

Santiago Quintero finaliza seu projeto Andes Xtremo

O alpinista Santiago Quintero, que possui amputações em ambos os pés, finalizou uma verdadeira façanha ao completar na tarde de ontem seu projeto que consistia em escalar 35 montanhas com mais de 4 mil metros de altitude em apenas 60 dias.

Fonte:

Era final da tarde de ontem quando Santiago Quintero finalizou seu projeto Andes Xtremo, ao terminar sua escalada ao Chimborazo, de 6.130 metros de altura.

Quintero parece ignorar o significado da palavra limite. O início do seu projeto foi no dia 18 de janeiro, quando escalou no mesmo dia o Guagua Pichincha, de 4.784 metros, e o Ruco Pichincha, de 4.698 metros de altitude.

Quase sem descansar, escalou 25 montanhas entre os 4 mil a 5 mil metros de altitude e 10 montanhas com mais de 5 mil metros, entre eles o Chimborazo, única acima dos 6 mil. Foram todas as montanhas com mais de 4 mil metros do Equador!

Segundo Santiago, foi uma verdadeira maratona contra o relógio, não havia como descansar! Ele foi acompanhado durante toda a jornada por uma equipe de apoio que o ajudava com suprimentos. As vezes um ou outro amigo o acompanhou durante algumas ascensões.

Siego Zurita da Associação de Guias de Alta Montanha do Equador ressaltou que nunca existiu nos Andes uma proposta similar.

"Há alguns anos, já passava em minha mente a idéia de subir todas as montanhas do meu país. Loucura? Perguntava-me constantemente por onde será esta ou aquela montanha. Alguns nomes nunca havia nem ouvido falar e não tinha nem de como chegar a base de algumas destas montanhas", revelou Santiago.

Segundo o alpinista, foram algumas notícias de aventureiros "loucos" que ele leu na internet que o motivaram a realizar esta expedição. "Li uma matéria de dois escaladores franceses que tentavam um projeto que consistia em escalar todas as montanhas com mais de 4 mil metros dos Alpes em apenas 82 dias. Lembro que torci muito pelo sucesso dos dois, mas um dia chegou a péssima notícia de que um deles, na 67o. montanha, escorregou e caiu ao vazio, deixando este projeto sem seu fim." Explicou Santiago.

Segundo um médico que acompanhava o desenrolar da expedição, o êxito de Quintero é maior ainda quando lembramos que ele possui várias amputações nos pés, decorrentes de sua escalada à face sul do Aconcagua. Santiago conseguiu escalar a face sul da montanha em solitário, feito que até então, apenas 4 montanhistas haviam realizado. Mas o preço pago foi alto, e o alpinista teve congelamentos que o levou a perder dedos e parte do pé.

Naquela época alguns médicos falaram que ele não andaria mais corretamente, que não conseguiria mais escalar montanhas. Segundo o médico, foram quatro anos de recuperação que deixou o alpinista afastado das grandes montanhas. Mas hoje Quintero está recuperado e o melhor, com sua auto-estima lá em cima. Hoje ele pode escalar, correr, pedalar, enfim, fazer tudo que qualquer pessoa normal faria.

"Eu tinha um monte de medos", respondeu Quintero a um jornalista, e complementou: Tenho lesões nos dois pés e a umidade prejudica muito estas lesões. Usar botas seis dias seguidos é um sacrifício..."

Agora Santiago Quintero encarará seu próximo projeto, a escalada do K2, em julho.

Veja abaixo a lista das montanhas escaladas por Quintero, ao longo deste projeto:

Rucu Pichincha 4698 m
Guaugua Pichincha 4784 m
Pasochoa 4230 m
Atacazo 4463 m
Puntas 4463 m
Pambamarca 4075 m
Antisana 5755 m
Chiles 4720 m
Fuya Fuya 4283 m
Mojanda Cerro Negro 4263 m
Imbabura 4630 m
Yanahurco del Piñan. 4538 m
Huanguillaro 4106 m
Cotacachi 4939 m
Cayambe 5790 m
Sarahurco 4677 m
Iliniza Sur 5326 m
Iliniza Norte 5116 m
Cotopaxi 5897 m
Sincholagua 4893 m
Rumiñahui 4722 m
Corazón 4786 m
Quilotoa 4010 m
Morurco 4880 m
Quilindaña 4877 m
El Predicador 4225 m
Sangay 5230 m
Altar 5320 m
Quispicacha 4538 m
Saguatoa 4153 m
Carihuairazo 5020 m
Cerro Hermoso 4639 m
Quilimas 4670 m
Cubillin. 4711m
Achipungo 4630 m
Chimborazo 6310 m

Publicidade:


Publicidade

Publicidade