Felipe Camargo é outsider do ano! - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Prêmio da revista Go Outside

Felipe Camargo é outsider do ano!

Um dia após encadenar um dos boulders mais difíceis do Brasil, Amnésia, na Serra da Piedade - MG, Felipe Camargo recebe prêmio em São Paulo por sua atuação no ano de 2009.

Fonte:

Felipe Camargo já havia entrado na história da escalada brasileira em 2008, quando se tornou o primeiro brasileiro a fazer um 11ª grau (8c) confirmado na escalada brasileira.

Não satisfeito, em 2009 Felipinho elevou o grau duas vezes, mandando um 11b (8c+) e mais tarde, um 11c (9a), com a via "Los Inconformistas" na Espanha. Se não bastasse ter atingido este patamar tão restrito, Felipe ainda realizou um volume de vias acima de décimo grau, inclusive o primeiro 11a confirmado em território brasileiro, a via "Cabra da Peste", na Serra do Cipó – MG.

A premiação da renomada revista Go Outside não poderia ser mais justa. Felipe se junta à uma galeria de escaladores renomados que venceram a premiação, Janine Cardoso, Cesar Grosso e Nicola Martinez.

Amnésia V13

Aproveitando a oportunidade de conversar pessoalmente com Felipinho durante a premiação, o AltaMontanha perguntou sobre a cadena do Boulder Amnésia realizada por Felipe no dia anterior .

Este Boulder, localizado na Serra da Piedade em Minas, cotado por Felipe como um V13, é o provável boulder mais difícil de Minas Gerais, seria também o mais difícil do Brasil?

O título atual pertence ao Boulder "Odia Santo", escalado por Leandro Pardal e André Berezoski pela primeira vez na páscoa de 2009 e repetido por Felipinho em apenas 4 entradas neste ano. De acordo com Felipe Camargo, o boulder Amnésia é mais concentrado, pois tem só 8 movimentos, metade de O Dia Santo e por conta disso, ele poderá ser considerado mais difícil.

Entretanto, Felipinho acha que é difícil comparar, pois são estilos muito diferentes de boulderes, assim, ele espera que novas repetições de ambos os boulders aconteçam para que o grau seja confirmado.

Na escalada, o grau é somente confirmado se há o consenso de mais de três escaladores que encadenaram a via ou problema. Assim, definir o grau de vias muito difíceis é sempre muito complicado e polêmico.

Maximo Kausch

O colunista do AltaMontanha, Maximo Kausch, ficou em segundo lugar na votação popular, com 17% dos votos , um pouco a menos que Karol Meyer, mergulhadora que venceu a votação.

De acordo com Andrea Estevam, diretora de redação da Go Outside, Maximo não foi selecionado, pois é difícil premiar todas as atividades dos esportes de aventura, assim, o montanhismo ficou de fora este ano.

Maximo escalou 10 montanhas de altitude em 2009, na Bolívia e na Argentina, abrindo várias rotas alpinas de extrema dificuldade e até conquistando uma via de escalada tradicional na Jordânia.

Publicidade:


Publicidade

Publicidade