Gerlinde logra seu 13º 8 mil sem oxigênio no Everest, Ralf completa todos sem O2 - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Mais cumes no Everest

Gerlinde logra seu 13º 8 mil sem oxigênio no Everest, Ralf completa todos sem O2

A alpinista austríaca alcançou o cume do Everest junto com seu marido Ralf Djumovits, que passa para a lista dos 14 oitomilistas sem O2.

Fonte: Desnivel

Gerlinde Kaltenbrunner fez cume no Everest pela face norte, deixando de lado seu plano original que era emendar o corredor Hornbein com o corredor dos japoneses, por conta do risco de avalanches. Ela e seu marido seguiram pela rota Odell, até o colo norte e dali pela aresta até o cume.

Apesar do vento forte que assolou a montanha, a alpinista austríaca não usou oxigênio suplementar e assim culmina seu décimo terceiro cume com mais de 8 mil metros, faltando apenas o K2 para completar o grand slam do montanhismo sem usar oxigênio em nenhuma delas.

Como de habitual, seu marido Ralf Djumovits a acompanhou em toda a escalada. O alpinista alemão, que já figurava na lista dos montanhistas que culminaram todos os 14, desde o ano passado, havia apenas usado oxigênio no própria Everest e agora se torna o décimo primeiro montanhista no mundo a ascender todos os cumes sem oxigênio artificial.

O ataque ao cume do casal foi acompanhado de outros montanhistas, como Silvio Mondinelli, italiano que já fez os 14 “sem” e que agora adiciona o Everest por ambas vertentes, Abele Blanc, parceiro de Waldemar Niclevicz no k2 em 2000, Marco Camandona e Michele Enzio também fizeram cume sem precisar de oxigênio complementar. Os Espanhóis Alfredo e Pedro Garcia também fizeram cume, mas com oxigênio.

O tempo piora

As condições meteorológicas que afetaram a montanha hoje têm sido muito piores que a dos dias precedentes, quando muitas pessoas fizeram cume desde sua vertente sul.

Todos os montanhistas que fizeram cume hoje, que havia sido um dia escolhido por conta da previsão de janela, se encontram descendo a montanha. Eles pretendem passar a noite no acampamento 2, a 7500 metros de altitude.

Fonte: Desnivel

Publicidade:


Publicidade

Publicidade