5 montanhas de 6000 em 12 dias - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Desafio

5 montanhas de 6000 em 12 dias

Maximo Kausch e Fabio Dellalio escalam 5 montanhas de 6000 metros na região da Puna de Atacama no Chile. A dupla alugou um carro 1000 e completou a façanha em apenas 12 dias.

Fonte:

O deserto do Atacama é o mais seco do mundo. Chuvas na região mais seca do Atacama chegam a cada 300 anos. Fabio e Maximo chegaram a Copiapó, Chile, no dia 29 de dezembro e no dia 31 já tinham passado da linha dos 4000m. Para aclimatação eles escolheram o pouco visitado vulcão Vicuñas. Uma montanha de 6066m. A escalada foi completada no mesmo dia.

Sem mais condições de enfrentar o caminho de areia até o acampamento Atacama com carro, a dupla enfrentou o caminho de 14km a pé. Desde Atacama a dupla partiu para escalar o Ojos del Salado (o maior vulcão de mundo, com 6899m) e o remoto e pouco visitado Cerro Muerto com 6519m.

Sem descanso a dupla percorreu algumas dezenas de quilômetros de deserto para encontrar o carro, tirá-lo da areia e enfrentar a longa aproximação ao Nevado Tres Cruces. Estas remotas montanhas são extremamente isoladas. O Tres Cruces Sur e Central são respectivamente a sexta e décima primeira montanhas mais altas do continente.

No segundo dia no complexo Tres Cruces, a dupla enfrentou 1000 metros de desnível com 30kg de peso e ainda escalou o cume Central, com 6643m. No dia seguinte eles escalaram o Tres Cruces Sul com 6766m, percorreu 14km até o carro, teve que destolá-lo da areia e percorreu 300km até a cidade de Copiapó.

Segundo Maximo e Fabio, um grande problema enfrentado nestas escaladas foi a falta de água e combustível. Eles tiveram que levar toda a água desde Copiapó além de combustível extra para o carro.

As 5 montanhas foram mapeadas por GPS e já estão disponíveis no Rumos.net.br:

Publicidade