Primeiro 8000 invernal no Paquistão - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
inédito

Primeiro 8000 invernal no Paquistão

O cazaque Denis Urubko, o italiano Simone Moro e o americano Cory Richards alcançaram o cume do Gasherbrum II (8035m) no Paquistão e fazem história no alpinismo. A expedição foi a primeira a coroar um 8000 no Paquistão durante o inverno. As tentativas começaram há 2 décadas. Segundo Moro e Urubko, as condições foram extremas, com temperaturas geralmente oscilando ao redor dos -30C chegando a -46C no dia do cume!

Fonte: TNF - MountainBlog.it-SimoneMoro - urubko.blogspot - Barrabes - AlexTxikon.

A expedição precisou de 2500kg de suprimentos e fez a aproximação de helicóptero. Foram necessários 50 carregadores para levar o equipamento por terra. A carga continha muito combustível necessário para derreter neve mesmo no acampamento base.

O time concluiu a aclimatação no dia 26 de janeiro após ter passado uma noite a -43C e tendo que bivacar a 6250m. Após deixarem o base no dia 30 de janeiro, passarem uma noite no acampamento 1 (5960m) e outra no acampamento 2 (6500m), a equipe alcançou o acampamento 3 (7050m) para tentar o cume.

Urubko, Moro e Richards saíram do acampamento 3 às 3 da manhã do dia de hoje. Numa mensagem de texto para a Itália, Simone Moro alegou que as temperaturas eram ao redor de -46C!!!

Às 11:28 (hora local) de hoje o trio alcançou o cume do Gasherbrum II se tornando o primeiro na história a alcançar um cume de 8000 no Paquistão no inverno. 16 expedições já tentaram a façanha, começando 20 anos atrás.

A equipe alcançou o cume apenas 20 dias após terem chegado ao acampamento base. Seu estilo foi leve e rápido. Saindo da base, eles não tinham carregadores ou cordas fixas.

Na descida durante uma tempestade, a equipe teve dificuldades em encontrar suas barracas no acampamento 3. Acreditamos que eles estarão de volta ao acampamento base na próxima sexta feira.

Esta foi a terceira ascensão invernal a um 8000 de Simone Moro: Shisha Pangma (2005), Makalu (2009), Gasherbrum II (2011). Para Denis Urubko foi a segunda ascensão invernal: Makalu (2009), Gasherbrum II (2011) além de já ter escalado todas as montanhas de 8000m, inclusive o G2.

Fora Simone Moro, apenas outros 2 alpinistas conquistaram 3 montanhas de 8000 no inverno: o polonês Jerzy Kukuczka (Kanchenjunga, Dhaulagiri e Annapurna) e Krzysztof Wielicki (Everest, Kangchenjunga e Lhotse). Para Cory Richards, este foi o seu segundo oitomil (Lhotse na primavera de 2010 e G2 invernal)

Fonte: TNF / MountainBlog.it/SimoneMoro / urubko.blogspot / Barrabes

Gasherbrum II no Rumos
Vídeo da aproximação
Vídeo do final da aclimatização
Avalanche no caminho ao acampamento 1

Nanga Parbat abandonado

Os poloneses Tomasz Mackiewicz e Marek Klonowski que estavam tentando o Nanga Parbat (8126m) decidiram abandonar a tentativa na montanha devido às condições extremas. A expedição alcançou o acampamento 1 e decidiu abandonar a escalada com sensações térmicas chegando a -50C. Além deles, o russo Sergey Tsygankov também tentava uma ascensão solitária e invernal no Nanga Parbat, porém teve que abandonar o acampamento 1 com edema pulmonar.

Fonte: Barrabes

Nanga Parbat no Rumos

Má sorte no Hidden Peak

Ao lado da equipe que acabou de coroar o G2, um time multinacional composto pelo basco Alex Txikon, o austríaco Gerfried Göschl e o canadense Louis Rousseau acabou de chegar no acampamento base e estará tentando o Hidden Peak (8080m) nas próximas semanas.

Ao chegar na base, uma surpresa: o equipamento que foi depositado no ali em outubro estava danificado. 5 barris contendo principalmente comida e equipamentos foram saqueados. A expedição não quer comentar sobre o assunto, porém não há muitas pessoas num raio de dezenas de quilômetros fora o acampamento militar a 5950m que está ali do lado. A equipe vai poder continuar com a expedição, porém vai ter que racionar comida e gás.

Fonte: AlexTxikon.blogspot.com

Gasherbrum I no Rumos

Altos e baixos no Broad Peak

Uma expedição polonesa composta por Jaroslaw Gawrysiak, Piotr Snopczynski, Rafal Fronia, Robert Kazmierski, Marcin Kaczkan e liderada pelo experiente Artur Hajzer já alcançou o acampamento 2 do Broad Peak (8051m). Além deles, os carregadores de altitude Mohammad Ali e Raza ajudam com os suprimentos. A equipe conseguiu depositar uma carga de suprimentos e voltar para o acampamento base com sensações térmicas de 50-60C.

O líder da expedição explicou que os trabalhos estão sendo muito dificultados pelo inverno extremo do Paquistão. Ele também declarou no dia 31 que colocava muita confiança em que a expedição de Urubko e Moro no G2 alcançasse o cume a qualquer momento.

Segundo as últimas notícias, o polonês Arkadiusz Grzadziel que teve sintomas de imobilismo pulmonar na segunda feira e foi evacuado num helicóptero hoje. Arkadiusz foi acompanhado no helicóptero pelo companheiro Robert Kazmierski.

Fonte: PolishWinterHimalaism.pl

Publicidade