O Homem, as múmias e os Vulcões: Coluna do AltaMontanha na Go Outside - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Coluna Go Outside

O Homem, as múmias e os Vulcões: Coluna do AltaMontanha na Go Outside

O AltaMontanha atualizou sua coluna no site da mais conceituada revista de esportes de aventura do mundo, a Go Outside.

Fonte:

A coluna desta semana foi escrita por nosso colunista Paulo Roberto, o “Parofes”. Nela, nosso colunista fala de sua paixão, ou melhor fixação que tem nos vulcões.

Para ele, os vulcões são montanhas especiais, pois elas dão condições de vida e também tira a vida de muita gente. De acordo com o Parofes, que é historiador de formação, a mesma fixação que ele tem por vulcões, muitos outros povos já tiveram.

Parofes faz um parâmetro entre as pirâmides e os vulcões. De acordo com ele, em quase todos os lugares onde haviam antigas pirâmides, haviam vulcões, com exceção, é claro das mais famosas pirâmides, as do Egito antigo.

De acordo com ele não é difícil chegar à estas intrerpretações, principalmente se levar em conta o conhecimento sobre os sítios arqueológicos de altitude existente nos Andes. Para quem não sabe, os Incas são considerados os primeiros grandes montanhistas, tudo isso porque eles subiam montanhas (vulcões) por motivos religiosos:

O ser humano, nas mais diversificadas formas, deixou pistas que evidenciam sua adoração por essas enormes elevações e sua demonstração de poder e fúria. Como eu disse, os vulcões também significam vida, pois uma erupção vulcânica traz à superfície da Terra magma que quando resfriado e solidificado, é um solo muito fértil. Será que os povos antigos sabiam disto, o que poderia aumentar mais sua adoração pelos mesmos? Sim


Para saber um pouco mais sobre este fascinante tema, leia na íntegra a coluna de Parofes no site da Go Outside

Publicidade:


Publicidade

Publicidade