A iraniana Leila Esfandyari faleceu no GII - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
grande perda

A iraniana Leila Esfandyari faleceu no GII

A ousada escaladora iraniana faleceu ontem durante a descida do Gasherbrum 2 no Paquistão. Ela estava a caminho do acampamento 3 e caiu na crista que dá acesso a um colo de 7800m. Ela culminou a montanha de 8035m.

Fonte: Mountainzone.ir

Leila foi uma promessa para o Iran. Diante de tantas dificuldades enfrentadas por mulheres neste país, Leila insistiu e demonstrar o seu amor ao esporte e mesmo diante de tantas repressões, ela se aventurava nas mais ousadas montanhas do planeta.

No ano passado, numa conversa com Maximo Kausch, colunista do AltaMontanha, Leila disse que: "Não posso voltar ao meu país agora. O presidente está bravo comigo porque ,não cobri minha cabeça na expedição". Ela se referia à sua expedição ao K2.

Segundo nosso colunista Leila Esfandyari era bastante determinada e não tinha medo às repressões. Maximo nos contou que ela vendeu o carro e teve que abandonar sua casa para poder escalar o K2. Ele lamenta muito pela morte da escaladora.

"A parte final no G2 é a parte mais perigosa da escalada onde o montanhista deve percorrer uma crista extremamente afiada. Na descida é muito fácil perder a concentração"

Na escalada ao G2, Leila era acompanhada por um time de 6 homens, todos iranianos. 2 deles estavam com Leila no momento do acidente.

Fonte: Mountainzone.ir

Publicidade:


Publicidade

Publicidade