David Liaño, disposição de sobra - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Super montanhista mexicano

David Liaño, disposição de sobra

Todo ano milhares de pessoas tentam realizar o sonho de escalar a montanha mais alta do mundo, muitos falham, muitos conseguem e, anualmente, algumas pessoas perdem a vida tentando o feito. Este ano, até agora, seis já perderam a vida. Escalar o Everest se tornou uma coisa normal. Entretanto, de vez em quando aparece um cara que planeja algo inovador, extremo, e ganha os olhares da mídia após concretizar o audacioso plano. Este ano, é a vez de David Liaño, o super mexicano.

Fonte: http://www.davidliano.com/

David Liaño fez algo realmente impressionante, que nunca foi feito antes, concluiu ontem a primeira dupla travessia do Monte Everest, em esquema rápido e com uma boa dose de sorte no tempo.

 
A aventura teve início na face sul da montanha. Ele escalou pela rota normal após concluir o cronograma de aclimatação e no dia 11 de maio por volta das oito da manhã estava no cume do Everest, aliás, sua quarta vez no cume. Sua descida foi pela face norte até o acampamento 2, onde passou uma noite.
 
No dia 12 de maio ele desceu até o base e lá pegou um helicóptero até Lukla onde descansou e atualizou seu site. Mas o descanso não durou muito...
 
No dia 14 de maio ele estava novamente no Everest, fez mais de 20kms de trekking até o acampamento base avançado na face norte, a 6.492 metros de altitude, onde passou a noite. Continuou escalando na manhã seguinte.
 
Infelizmente ficou preso algum tempo no acampamento 1 por causa de fortes ventos, mas logo seguiu escalando, e no dia 17 de maio escava no acampamento 2 da montanha. Ali, disse que o tempo estava bom porém ainda com fortes ventos.
 
No dia 18 continuou sua difícil tarefa e na manhã do dia 19 de maio, apenas oito dias após estar no cume do Everest pela quarta vez, o fulano pisou no cume do Everest de novo, desta vez escalando pela face norte.
 
Descendo pela face sul da montanha, David se tornou o primeiro montanhista a realizar uma dupla travessia do Everest. Então sua carreira na montanha encontra-se assim:
 
2005 – Everest cume 1
2008 – Everest cume 2
2010 – Everest cume 3 (passou muito mal e foi resgatado de helicóptero)
2013 – Everest cumes 4 e 5
 
 
Haja pulmão!
 

Publicidade:


Publicidade

Publicidade