Missão registra imagens do maior vulcão do Sistema Solar, em Marte - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
E ai vai encarar esse?

Missão registra imagens do maior vulcão do Sistema Solar, em Marte

Imagens do vulcão Monte Olimpo em Marte mostram por onde a lava escorreu até a planície, formando sulcos e desviando de obstáculos naturais. Blocos pontiagudos e achatados se projetam pelo vulcão. A ocorrência de apenas algumas pequenas crateras de impacto neste cenário mostra que ele é relativamente jovem em comparação com as regiões mais cheias de crateras em outros lugares em Marte. O vulcão deve ter estado ativo até dezenas de milhões de anos atrás, relativamente recente na escala de tempo geológica do planeta, que se estende por 4,6 bilhões anos.

Fonte: http://noticias.uol.com.br/ciencia

Centenas de fluxos de lava individuais são vistos congelados no tempo sobre os flancos do Monte Olimpo, o maior vulcão do Sistema Solar. A planície ao redor do vulcão foi inundada de lava posteriormente. A imagem foi tirada pela câmera de alta resolução estéreo on Mars Express da Agência Espacial Européia com uma resolução de terreno de aproximadamente 17 metros por pixel.

Dentre as Imagens do segmento sudeste do vulcão gigante Monte Olimpo, observa-se que se eleva a cerca de 22 kms acima da planície circundante. Isso é mais que o dobro da altura de Mauna Kea, o vulcão mais alto da Terra que tem 10 kms de altura quando medido a partir de sua base oceânica ao cume.
 
O Monte Olimpo é um vulcão escudo, com as laterais levemente inclinadas, mas tem um penhasco abrupto, que o separa da planície que o circunda. A altura pode chegar a 9 kms, que provavelmente foi formada a partir de deslizamentos de solo. É nítida a diferença entre os canais no vulcão e a planície "lisa" abaixo. Os canais foram provavelmente esculpidos por lava, mas a água pode ter fluído também.
 
Mapa topográfico colorido mostra as diferenças de altitude no vulcão Monte Olimpo, em Marte. A transição entre os flancos do vulcão (em branco, vermelho e amarelo) para o penhasco íngreme (em verde e azul) e as planícies suaves (azul escuro) pode ser vista claramente. 
 
A tecnologia nos levando "onde nenhum homem jamais esteve"!
 
 

Publicidade