AMC faz remoção de pichações no Anhangava - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Contra a sujeirada na montanha

AMC faz remoção de pichações no Anhangava

Associação dos Montanhistas de Cristo (AMC), clube ligado à Igreja Batista de Curitiba, promove mutirão de limpeza no maior campo escola de escalada do Paraná.

Fonte: Redação

Associação dos Montanhistas de Cristo promoveu neste final de semana um mutirão de limpeza no Morro do Anhangava que focou na remoção das pichações existentes nas rochas do morro.
 
A ação faz parte do conjunto de ações do programa “Adote uma montanha” promovida pela Confederação Brasileira de Montanhismo e Escalada (CBME). No Paraná, além da AMC, participam no Paraná o Clube Paranaense de Montanhismo (CPM), que promove ações na Serra da Prata e a Associação Nas Nuvens Montanhismo, que adotou a trilha do Morro Itapiroca. 
 
O Programa “Adote” da CBME consiste em promover a limpeza, manutenção e conscientização ambiental em locais onde se pratica montanhismo e escalada. Ele tem mais de 10 anos com atuações em diversas montanhas no Brasil inteiro.
 
O Morro do Anhangava é o local mais tradicional para a prática de escalada no Paraná. No entanto, sua localização próxima à Curitiba e o acesso facilitado tem lados negativos, dentro eles o vandalismo e também a violência, já que diversos casos de assaltos foram registrados.
 
O Anhangava está inserido dentro de uma Unidade de Conservação, o Parque Estadual da Serra da Baitaca, que foi criado em 2002 como medida compensatória à construção da rodovia Contorno Leste. Passados 11 anos desde sua criação, o Parque segue sem infraestrutura adequada, contando apenas com 2 trailers onde funcionários do Instituto Ambiental do Paraná, IAP realizam um trabalho de registro dos frequentadores que infelizmente não consegue coibir com eficácia a ação de pichadores.
 

Publicidade:


Publicidade

Publicidade