Marcos Costa escala a Face Norte do Eiger - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Primeira escalada brasileira

Marcos Costa escala a Face Norte do Eiger

A Face Norte do Eiger é um objeto de desejo do alpinismo técnico. Com 1800 metros de desnível, um dos maiores da Europa, esta face da montanha representa uma grande dificuldade técnica aos montanhistas, misturando técnicas de escalada em rocha com fendas cheias de gelo e por vezes cascatas e muita neve.

Fonte: Redação

Localizada na Suíça, a Face Norte do Eiger foi desafiada por muitos alpinistas de elite, mas a temida face foi apenas escalada pela primeira vez em 1938 por Anderl Heckmair e sua equipe, no caminho eles enfrentaram quedas de rocha e trechos técnicas que até hoje representam um grande desafio e periculosidade.
 
As faces Norte do Eiger, do Matterhorn e das Grand Jorasses são consideradas as faces de escalada mais difíceis dos Alpes. Escalar as três faces é chamado de “A trilogia”. 
 
Marcos Costa esteve na companhia do alpinista escocês Bruce Normand, com quem dividiu corda em diversas conquistas em montanhas na China, onde Costa vive atualmente. 
Eles começaram a escalar as 8 da manhã do dia 16 de março e passaram duas noites na parede, realizando bivaque, até alcançarem o cume da montanha, de 3970 metros, por volta das 4 da tarde do dia 18.
 
De acordo com o historiador do montanhismo Rodrigo Granzotto Peron, Marcos foi o primeiro brasileiro a escalar a face Norte do Eiger. O brasileiro acumula mais esta conquista em sua carreira. Costa é um dos poucos montanhistas profissionais do Brasil que vivem de patrocínios e projetos. Ele já foi indicado duas vezes ao Prêmio Piolet D’Or, a premiação mundial do montanhismo.
 
 
Rota utilizada por Marcos Costa e Bruce Normand para escalar a Face Norte do Eiger na Suíca.
 
Veja mais:
 

Publicidade