Rosier Alexandre enfrenta novo desafio - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Expedição Ojos del Salado

Rosier Alexandre enfrenta novo desafio

Cearense foi o primeiro do Norte e Nordeste a escalar o Aconcágua, a maior montanha fora da Ásia, localizada no Chile

Fonte:

Montanhista cearense Rosier Alexandre prepara-se para vencer um novo desafio em 2009. No próximo dia 5 deste mês, ele deixa Fortaleza para escalar o maior vulcão do mundo, o Ojos del Salado, com 6.893 metros, também situado no Chile. Rosier já esteve no Ojos, de fevereiro a março de 2008, e chegou até a altitude de 6.700m. Mas não continuou a subida devido às péssimas condições climáticas nessa época.

Para tentar chegar ao cume nessa nova expedição, Rosier utilizar-se-á de novos equipamentos e fará planejamento ainda mais cuidadoso, já que no vulcão Ojos del Salado as condições de infra-estrutura são bem mais precárias que as encontradas no Aconcágua.

Localização

Uma das particularidades do Ojos del Salado é que está situado no deserto Atacama, a 280km da cidade mais próxima, Copiapó. E diferente do Aconcágua, no Ojos o gelo é salgado e seu derretimento não produz água potável. A primeira etapa de Rosier na próxima expedição será na Bolívia, onde deve passar 15 dias. Ali, escalará duas montanhas, o Chacaltaya, de 5.421m, onde está a mais alta estação de esqui do mundo, e o Huayna Potosi, de 6.088m. De lá, ele parte para o Atacama e para o maior vulcão do mundo, onde pretende ficar sete dias, até chegar ao cume.

Nos cinco anos como montanhista profissional, Rosier enfrentou dificuldades como a falta de patrocinadores e saudade da família. Porém, o momento mais dramático foi a morte do dentista Eduardo Silva, no Aconcágua, em 2005, seu companheiro durante a escalada. “‘Naquele mesmo dia, ocorreram quatro mortes. Foi muito difícil, porque tive contato com ele, emprestei até um livro antes do acidente e cheguei a ajudar no resgate da sua esposa’’, relembrou o cearense.

Apesar da perda do colega, Rosier nem cogita a possibilidade de desistir do montanhismo. “‘Eu sou brasileiro e não desisto nunca, levo isso como meu lema pessoal”, concluiu.

O novo desafio de Rosier faz parte do projeto “Extremos das Américas”. Com o término dessa etapa, projeto ainda mais ambicioso está nos planos do cearense: o ‘‘Sete Cumes do Mundo’’, que inclui escalada das maiores montanhas do planeta, como o pico Everest, mais alto da Terra, com 8.844m. ‘‘Se tudo correr como estamos planejando, estarei escalando o Everest em 2010’’, ressaltou.

Para saber mais, visite o site do alpinista: www.rosier.com.br

Publicidade:


Publicidade

Publicidade