Alpinista raptado durante projeto Sete Cumes!

0

O alpinista diabético basco Josu Feijoo foi seqüestrado durante uma escalada na Pirámide de Carstensz (4884 metros), pico mais alto da Oceania. A montanha faz parte do seu projeto de conquistar o cume das montanhas mais altas dos sete continentes.

Durante a escalada da montanha Pirámide de Carstensz (4884 metros de altitude), a mais alta montanha da Oceania, os alpinistas Josu Feijoo e seu parceiro Jon Goikoetxea foram surpreendidos por vários homens armados que os impediram de continuar sua escalada na montanha.

O incidente aconteceu no dia 2 de maio, e só foi resolvido 48 horas depois, quando outro montanhista seqüestrado, John C.Rudolf, conseguiu falar com a embaixada dos EUA, em Yakarta, com o telefone via satélite do próprio Josu Feijoo.

Dando uma entrevista, Feijoo alegou que talvez os seqüestradores fossem foragidos. Disse também que, ao toparem com os bandidos, foram ameaçados por eles, que fizeram uma linha no chão e disseram que se os alpinistas passassem aquela linha, levariam um tiro.&nbsp,

Fenômenos como este são solucionados somente pela calma e paciência das pessoas nele envolvidos. Sem essas virtudes, os montanhistas poderiam ter tido um final desta historia muito pior do que realmente foi. A medida ouvimos falar destes casos, damos graças por estarmos vivos e tomamos mais cuidado para o mesmo não acontecer conosco.

Foto: fonte http://www.as.com/
Compartilhar

Sobre o autor

Redação - AM

Texto publicado pela própria redação do Portal.

Deixe seu comentário