Avalanches na França, Escócia e Turquia matam ao todo 18 pessoas

0

Acidentes ocorreram no sábado (24) e domingo (25). Algumas pessoas ainda estão feridas ou internadas.

Neste domingo (25), pelo menos dez pessoas morreram e sete
ficaram feridas em uma avalanche de neve no Monte Zigana, no
nordeste da Turquia. A avalanche aconteceu durante uma caminhada
organizada por um clube de alpinistas local. Dezessete
montanhistas turcos participavam da atividade.

O deslizamento pegou o grupo de surpresa e
soterrou 15 dos montanhistas. Os dois que conseguiram escapar da
massa de neve desenterraram sete companheiros, todos feridos.
Seis corpos foram localizados mais tarde.&nbsp,

Apesar de&nbsp,o número de vítimas&nbsp,confirmado oficialmente ser
de&nbsp,dez,&nbsp,segundo a agência de notícias France Presse, uma das
pessoas resgatadas com vida morreu ao chegar no hospital, o que
eleva o número de vítimas desta avalanche para 11 e o total dos
três incidentes para 19.

&nbsp,

Sobrevientes foram socorridos por colegas

Um dos sobreviventes, Rahmi Keles, 60, disse ter visto a
avalanche se aproximando mas, sem possibilidade de escapar,
acabou sendo soterrado por ela. Ele conseguiu retirar a neve de
cima de sua cabeça e gritou, pedindo ajuda a uma companheira.

“Não conseguiria sair dali sozinho. Ela retirou a neve e
tirou primeiro a minha perna esquerda, depois a direita. Sem
Yonca, eu não teria sobrevivido. Graças a Deus ela apareceu,
como um anjo”, disse ele na cama do hospital.

Especula-se sobre qual tenha sido a causa da
avalanche. Testemunhas disseram à TV turca que ouviram tiros
antes do incidente. No entanto, um governador local afirmou que
elas podem ter confundido o som do começo da avalanche com
tiros.
Em declarações à rede de TV
“CNN”-Turk”, alguns alpinistas reclamaram da
demora das equipes de resgate ao local da avalanche.&nbsp,

&nbsp,

Sinal de alerta na Escócia

Três pessoas que caminhavam por uma montanha rochosa na Escócia
morreram no sábado (24).&nbsp,O acidente aconteceu nas montanhas de
Buchaille Etive Mhor, muito procuradas pelos esportistas. Uma
quarta pessoa machucou o ombro e outros cinco alpinistas saíram ilesos.&nbsp,

Um alpinista que estava acima da avalanche observou o incidente e
chamou por socorro. Dois helicópteros participaram dos trabalhos
de resgate dos quatro montanhistas. Eles foram levados ao
hospital de Belford, em Fort Williams, onde os três faleceram.
As informações são da polícia local.

A área havia sido classificada com risco “considerável” de
avalanche pelas autoridades responsáveis. Nos últimos dias,
nevou muito no local. A polícia afirmou que não há relatos de
outras pessoas desaparecidas. O pico da montanha possui 1.000
metros de altura.

Nos Alpes Franceses, mais uma tragédia

No sábado (24), dois excursionistas morreram na cidade de Flaine,
na França, e dois esquiadores, de 16 e 18 anos, faleceram fora
da pista na estação de Valmorel. Outro esquiador morreu ao
chegar ao hospital de Grenoble, totalizando cinco vítimas na
França.

O serviço meteorológico local havia emitido um
alerta informando de que a neve nos Alpes era muito instável em
consequência das fortes chuvas e ventos nos últimos dias.

&nbsp,&nbsp,

Com informações da AFP, da Reuters&nbsp,e da EFE

Compartilhar

Sobre o autor

Redação - AM

Texto publicado pela própria redação do Portal.

Deixe seu comentário