De volta ao Brasil

0

A viagem e participação nos eventos internacionais de escalada foi incrível, como sempre! Viajar renova minhas energias e me torna mais entregue ao trabalho e à maternidade… Nada como férias, ainda mais se estiverem ligadas à alguma aventura!

Alguns me perguntam porque eu não participei do World Games, maravilhoso evento de diversas modalidades realizado no último final de semana na cidade de Kaohsiung, Taiwan (República Popular da China)…

Explico: Eu tinha vaga para representar a América Latina no feminino nesta competição com apoio da Federação Internacional. Porém, sendo uma competição com poquíssimos atletas (todos profissionais), e uma participação que exigia mais de uma semana de viagem (voltando mais uma vez para a China, e para o fuso de 11 hs +), optei em ficar na Europa, escalando em rocha, aproveitando os últimos dias de viagem sem pressão de campeonato, uma vez que minhas férias já tinham tido duas belas competições em Xining e em Chamonix.

Pois é… Apesar de meu corpo pedir a movimentação da escalada com frequência; apesar de eu continuar amando escalar, me pendurar, fazer força, treinar para evoluir sempre, eu já não fico tão motivada em me deslocar só para competir…

Continuo buscando me superar, preciso estar sempre em movimento e tenho certeza que essa busca nunca acabará!
Porém, sinto que é hora de abrir mão de competir em alguns eventos, em pró de outras causas que considero mais prazerosas conforme meu momento, e assim, viver diferentes experiências que me instigam há tempos…

Isso não quer dizer que vou parar de competir não, pois ainda curto a pressão do campeonato… e adoro acompanhar os destaques mundiais também!!!!

Mas quer dizer que começo a ser menos exigente comigo em relação à performance na escalada, para aos poucos, aproveitar mais todo o contexto inerente a ela – aventura, natureza, rocha, amigos, companheirismo, acampamentos, trilhas e novos desafios – aspectos esses que há 16 anos me conquistaram para o montanhismo.

DE qualquer forma, mesmo de longe, acompanho os companheiros focados nas competições mundiais, enviando boas energias e torncendo muito!

No World Games, a eslovena Maja Vidmar, com toda sua leveza, conquistou o ouro no feminino de dificuldade, seguida do detaque do ano – a coreana Ja-in-kim.

No masculino, o Japão levou o ouro com Sachi Amma em 1º, seguido do campeão mundial Patxi Usobiaga em 2º. Torço muito pela Espanha, país e equipe de escalada que sempre me acolheu calorosamente! Obrigada e saudades dos amigos especiais nesta viagem – Irati Anda, Andrea Cartas, Tony Roy, Patxi Usobiaga, RAmon Julian e Eric Lopes.

Papo vai, papo vem… e eu já fui escalar no ginásio duas vezes essa semana, curtindo a escalada também com minha filha… (e fazendo umas sessões de campus board entre as subidas!!!) hehehe…

Amanhã acontece o Máster de SErre Chevalier,França, um dos eventos da escalada esportiva mais tradicionais do mundo, apenas para convidados, no qual os brasileiros Felipe ´Pikuira´ e César Grosso estarão participando !!!
Kamooooon … Pressão aí meninos!!!

REsultados em: http://www.ifsc-climbing.org

Confiram um videozinho da eslovena Maja Vidmar, encandenando a final de SErre Chevalier em 2005, ano em que eu estava presente conferindo essa performance ao vivo!



Boa sorte ao Brasil em Serre este ano!!!!

 





Janine Cardoso é a atual campeã brasileira de escalada e conta com o apoio da THE NORTH FACE e da CASA DE PEDRA!

Compartilhar

Sobre o autor

Janine Cardoso - Colunista

Janine Cardoso é a maior vencedora de campeonatos brasileiros de escalada, com 8 conquistas. Ela já participou de mundiais e também de diversas etapas de Copas do Mundo. Atualmente é atleta da The North Face.

Comments are closed.