Encontrado corpo de montanhista desaparecido no cordón del Plata

0

Buscas da patrulha de resgate conseguem localizar corpo de montanhista desaparecido desde sexta feira.

O Cordón del Plata é um dos mais populares destinos de montanha da Argentina. Desde sexta feira, um montanhista proveniente de Buenos Aires desapareceu após tentar escalar sozinho o Cerro San Bernardo de 4200 metros.
 
Localizado no Oeste da Argentina, na província de Mendoza, o Cordón del Plata é um espigão montanhoso que anualmente atraí centenas de pessoas, muitas delas com objetivo de ter uma primeira experiência no chamado andinismo (a prática de montanhismo nos Andes). Seu ponto culminante é o Cerro Plata, de 5950 metros, porém há dezenas de picos secundários que sua ascensão ajuda no processo de aclimatação. O San Bernardo é um deles e sua ascensão é considerada simples.
 
O homem que não teve a idade e nem a identidade revelada até agora, havia se apresentado como Sebastián, dizendo ser proveniente da cidade de Buenos Aires. Ele chegou à montanha na última quinta-feira, deixou seu carro estacionado na base e montou acampamento em Las Veguitas, um tradicional local para camping localizado há 3200 metros de altitude. No interior de sua barraca foi encontrado seus pertences, mas nenhum documento, o que dificultou a identificação do sujeito.
 
A patrulha de resgates fez busca na área, porém o trabalho estava sendo dificultado pelo mau tempo. Hoje, no entanto, os resgatistas localizaram o corpo do homem na face sul da Montanha e no momento estão organizando uma equipe para evacua-lo.
 
Não é comum acidentes e nem mortes na região. O primeiro óbito de um montanhista por ali ocorreu justamente nesta temporada de verão, quando no dia 13 de Dezembro do ano passado, Iván Juan Samús ficou desorientado durante a descida do Cerro Plata, tomou um caminho errado e acabou caindo em um precipício.
 
Em ambos casos os montanhistas estavam sozinhos, sem ter um localizador Spot para pedir ajuda e nem GPS para fazer navegação.
 
Compartilhar

Sobre o autor

Redação - AM

Texto publicado pela própria redação do Portal.

Deixe seu comentário