Escalador com fratura exposta foi resgatado na Cordilheira de Ansilta

0

O escalador Fabricio Pereira, 43, disse que caiu e fraturou o braço quando uma rajada de vento levantou a barraca onde dormiam e os jogou a mais de 10 metros para baixo

Um
escalador de 43 anos, com uma fratura exposta foi resgatado hoje pela
polícia local da Cordilheira, cerca de 200 quilómetros a oeste de San
Juan, e transferido por helicóptero para um hospital em San Juan.

Segundo Fabricio Pereira, que falou com a imprensa logo que chegou ao hospital, “foi um acidente estúpido”.

De acordo com montanhista, ele escalava com um companheiro e logo que “desceu da Ansilta,
decidiu descansar. Estava na barraca quando uma forte rajada de vento
levantou-o e o atirou com barraca e tudo uns 10 ou 15 metros para
baixo.”

O escalador foi resgatado pela polícia graças ao olhar atento dos moradores de Calingasta, que viram sinais que o alpinista fazia a partir da montanha e notificaram aos policiais.

Ontem à tarde, uma patrulha da polícia escalou a Cordilheira de Ansilta, próxima ao Vale de Calingasta
e contactou o homem, mas não conseguiram tirá-lo da montanha porque já
era noite. Contudo já conseguiram prestar os primeiros socorros e
imobilizar o membro fraturado.

Esta manhã o helicóptero da província conseguiu chegar ao local e transportou o ferido para o hospital.

No hospital informaram que a saúde dele é boa, mas deverá realizar um longo tratamento, devido a gravidade da fratura.

Compartilhar

Sobre o autor

Redação - AM

Texto publicado pela própria redação do Portal.

Deixe seu comentário