O último suspiro

0

Esta frase tem a ver com um conceito de fim de vida ou existência, mas para mim, neste momento, tem mais a ver com uma metáfora sobre minha situação atual e o fim da liberdade propriamente dita. Fim com chave de ouro.

Como disse na coluna anterior, tive que entregar a casa que tanto gostava aqui em São Paulo, uma casa de fundos de uma vila que aluguei e que tinha 80 m², só pra mim. Nas paredes, cerca de 200 fotos. Na varanda, a boa e velha Jurema, minha churrasqueira de 32 tijolos sobrepostos. Na ocasião em que fui pra Europa disse que eram meus últimos recursos e por isso nem consegui pagar por tudo além das passagens aéreas, foi verdade.


&nbsp,


O fato é que, inesperadamente, entregar a casa, vender os móveis, isso tudo e todos os fatores envolvidos, me trouxe grana inesperada e muito bem vinda. Além disso, vendi boa parte dos meus equipamentos, lentes da câmera, ajudei meu sogro a vender uns itens antigos guardados de carros da família e ganhei uma comissão por isso, até mesmo um cachê ao ser fotografado por uma agência de publicidade no Itatiaia recebi.


&nbsp,


Portanto, apesar de ter acreditado que o meu ponto final seria na Europa, inesperadamente, passou a ser agora em janeiro de 2011. Fico mais que feliz em contar aos amigos e colegas e leitores do meu blog e do altamontanha que, depois de amanhã, 1° de janeiro, pego um vôo para os andes novamente.


&nbsp,


Nas últimas semanas eu e lili escapamos pra Argentina e Uruguai pra passarmos sete dias sozinhos. Todos os créditos pra ela pois eu me concentrei em outra coisa e ela me apoiou como sempre. Por isso não pude ajudar financeiramente na viagem pois ela sabia que meu esforços e tudo que vendi nos últimos meses, ao mesmo tempo que buscava por emprego (busca essa que foi completamente infrutífera), se destinavam a expedição do início de 2011, idealizada pelo meu amigo Pedro Hauck.


&nbsp,


Como sempre, os objetivos vão sendo revelados após as devidas conquistas. Novamente, várias montanhas objetivadas, só que desta vez em um espaço de tempo curto, por isso não terei tempo para aclimatação. Chego no meu destino no final do dia 1° (se o vôo não for cancelado ou atrasar) e já amanheço o dia 2 fazendo a primeira ascensão.


&nbsp,


Aproveito para deixar um aviso para os amigos e leitores do nosso site, Máximo Kaush encontra-se a caminho do Chile para algumas escaladas, Pedro Hauck está no Roraima conhecendo aquela montanha magnífica, depois me encontra pelo caminho, e dia 1° eu também deixo o país. Portanto, nas próximas semanas, notícias muito legais vão pintar por aqui de três andinistas brasileiros! Por outro lado, não se assustem se as atualizações de notícias diminuirem um pouco, pois&nbsp,Pedro e o Máximo&nbsp,são parte da força de atualização do site.


&nbsp,


Infelizmente agora sim tenho absoluta certeza de que este é meu último suspiro em alta montanha, ao retornar no final de janeiro, vou retomar full time minha busca por emprego. Se necessário mudar de estado, assim o farei. Só após me normalizar/ estabilizar, poderei programar alguma incursão nos andes, indubitavelmente só para 2012 antes do mundo acabar. 🙂


&nbsp,


Sorte para nós, e um feliz 2011 para todos!


&nbsp,


Abraços


&nbsp,

Parofes

Compartilhar

Sobre o autor

Parofes (in memorian) - Colunista

Parofes, Paulo Roberto Felipe Schmidt (In Memorian) era nascido no Rio, mas morava em São Paulo desde 2007, Historiador por formação. Praticava montanhismo há 8 anos e sua predileção é por montanhas nacionais e montanhas de altitude pouco visitadas, remotas e de difícil acesso. A maior experiência é em montanhas de 5000 metros a 6000 metros nos andes atacameños, norte do Chile, cuja ascensão é realizada por trekking de altitude. Dentre as conquistas pessoais se destaca a primeira escalada brasileira ao vulcão Aucanquilcha de 6.176 metros e a primeira escalada brasileira em solitário do vulcão ativo San Pedro de 6.145 metros, próximo a vila de Ollague. Também se destaca a escalada do vulcão Licancabur de 5.920 metros e vulcão Sairecabur de 6000 metros. Parofes nos deixou no dia 10 de maio de 2014.

Comments are closed.