Resultados da busca: Oito mil (450)

Artigos
Mal de Altitude
Por

Os escaladores de montanhas de 8.000 metros passam algumas noites acima dos campos bases e em seguida retornam a eles para recuperarem-se, para só então aventurarem-se novamente aos campos altos. Por que isso?

Notícias
Andes Xtremo a caminho do Chimborazo
Por

Santiago Quintero completou 44 dias de ascensões, dos 60 previamente estimados. Andes Xtremo, 35 montanhas equatorianas em 60 dias, o ambicioso projeto com o qual o jovem andinista Santiago Quintero iniciou o ano de 2009, chega a sua etapa final, na província de Chimborazo.

Aventuras
As 48 Horas do Quiriri – parte 1
Por

A travessia interestadual morro do Araçatuba (PR) – Monte Crista (SC) ainda é pouco conhecida do público montanhista. Comparando-se com outras travessias em montanha no Brasil, percebe-se que ela é uma das mais longas, se não a mais extensa, com cerca de 60 km de trilha. Todas as histórias anteriores relatavam que as equipes levaram 4 ou 5 dias para completar seu percurso. Completar a travessia em tempo recorde foi um desafio que encheu os olhos do Elcio, disposto a realizá-la em 3 dias, ou quem sabe menos.

Aventuras
ASSALTO NA TRILHA EM PARANAPIACABA
Por

A Serra do Mar q cerca a capital paulistana na sua borda leste prima por oferecer surpresas de tds os tipos aos aventureiros q se embrenhem em seus verdes domínios. Mas nem tds são surpresas agradáveis ou relacionadas à beleza natural c/ q este belo rincão remanescente de Mata Atlântica brinda à maior metrópole do país. Eis o relato em 4 atos de uma inesquecível incursão à região serrana entre Paranapiacaba e Cubatão, datada de anos atrás, q por sua natureza pitoresca há de ficar guardada entre as + emocionantes q já tive. Regada a adrenalina involuntária, este registro tb serve de alerta aos futuros andarilhos e às autoridades da região perante os riscos q se está sujeito ao pernar próximo de gdes metrópoles. Riscos q não têm nada de natural ou agradável. E sinal q algumas mazelas sociais não poupam nem as matas q a cercam.
Fotos: Leila, Renata e Rex

1 41 42 43 44 45