Walltopia: saiba mais sobre o maior muro de escalada do mundo

1

Essa semana um muro de escalada de proporções gigantescas em Copenhague, na Dinamarca, ganhou destaque nas redes sociais. O muro foi inaugurado durante a primavera europeia e se tornou o maior muro de escalada do mundo, porém ainda não esta sendo utilizado por escaladores devido à pandemia.

Walltopia, o maior muro de escalada do mundo.

O muro dinamarquês batizado de Walltopia esta instalado na fachada do prédio futurista da usina de geração de energia e tratamento de resíduos, a CopenHill. Lá é feito o tratamento de lixo e resíduos transformando-os em energia limpa.

Telhado do prédio da CopenHill

Além do muro, o prédio também possui um telhado inclinado com uma pistas de caminhada e corrida, teleférico um bar e espaço para fazer piqueniques. Também é possível praticar esqui e snowboard o ano inteiro utilizando a estrutura do edifício.

Edifício visto de cima

O maior muro de escalada do mundo

Já a parede de escalada esta instalada na fachada mais alta, ela possui 85 metros de altura por 10 de largura. O muro possui cinco vias de diferentes graus de dificuldade. Entretanto, cada via esta dividida em quatro enfiadas de 20 metros, que acabam em reuniões instaladas em platôs no meio da parede. As linhas foram desenhadas de cima, através de rapel pelos escaladores Plamen Kostadinov, Milen Vidinovski e Valentin Borisov. Todavia para equipa-las foram usados andaimes e elevadores esternos.

A parede já esta totalmente equipada e pronta para ser escalada.

Toda a estrutura e desenho das vias tentam trazer a verossimilhança das montanhas, entretanto para tornar elas mais acessíveis, os graus mais difíceis estão mais afastados do chão. “Foi inspirado em rotas naturais de várias enfiadas – eles geralmente usam bordas formadas naturalmente para fins de arremesso”, explicou Vasil Sharlanov, membro da equipe de design da Walltopia.

“O design da parede foi um desafio, pois estávamos nos esforçando para encontrar o equilíbrio certo entre aparência e funcionalidade” acrescentou Sharlanov. Entretanto, para na comprometer o design do edifício nem a entrada de luz, os arquitetos e engenheiros utilizaram materiais especiais como plexiglass (uma matéria plástica parecida com acrílico super resistente) e fibra de vidro. Ao todo foram utilizados 24 toneladas desses materiais mais 55 toneladas de aço inoxidável resistente as intempéries da região.

Construção da parede de escalada

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

1 comentário

  1. Avatar

    Que obra irada, já deu vontade de escalar só de ver as fotos kkkkk, excelente matéria, obrigado pela informação galera !

Deixe seu comentário