Waldemar Niclevicz segue para a sua 70ª montanha acima de 4k nos Alpes

0

 

Márcio Hoepers na crista de Peuterey

Ontem, dia 25/07, Waldermar Niclevicz e sua equipe chegaram ao cume do Lenzpitze com 4.294 metros de altitude em Valais na Suíça. Essa foi a 69ª montanha do projeto, agora faltam apenas 13 cumes para concluir a escalada das 82 montanhas acima de quatro mil metros dos Alpes. Além dessa montanha ele também chegou ao cume do Nalderhorn (4327m) com a escaladora brasileira Daiane Luise Souza no mesmo dia.

A meta é finalizar o projeto até o próximo mês. E a temporada nos Alpes esta sendo generosa com os escaladores. Após um inicio com muitas nevascas e chuvas o tempo se estabilizou e esta possibilitando lindas escaladas.

Waldermar Niclevicz e Marcio Hoepers no cume do Mont Blanc

 

Na última semana, Niclevicz, seu parceiro brasileiro, Marcio Hoepers, e os italianos Mirko Marchisio e Simone Arrigoni realizaram a famosa travessia de Chamonix pela Crista de Peuterey no maciço Mont Blanc. Eles chegaram ao cume do próprio Mont Blanc (4.807m), da Aiguille Blanche de Peuterey (4.112m), do Grand Pilier d’Angle (4.243m) e do Monte Bianco di Courmayeur (4.748m). Dias antes também escalaram a Aiguille de Bionnassay (4.052m) e Punta Walker (4.208m) no mesmo maciço.

O Mont Blanc foi conquistado em 1786 e é a segunda maior montanha da Europa. Também é a mais famosa e possuí localização privilegiada na fronteira da França com a Itália.

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

Deixe seu comentário