8 de agosto – O dia em que o montanhismo moderno nasceu

0

Monumento em homenagem a Balmat e Saussure em Chamonix

O dia 8 de agosto é uma importante data para os praticantes de montanhismo, pois foi nesse dia no ano de 1786 que ocorreu a conquista do Mont Blanc e começou a surgir essa modalidade esportiva. Subir montanhas simplesmente pelo prazer de desbravar o desconhecido ou aventurar-se não era nada comum até esse acontecimento.

Primeiras escaladas no Mont Blanc

A ideia da conquista dessa montanha começou muito tempo antes, em 1760, quando Horace Bénedict de Saussure se encantou com a sua beleza e ofereceu um prêmio para quem encontrasse uma forma de chegar até o topo. Saussure queria provar que no cume fazia 1000 graus negativos de temperatura.

Alguns aventureiros destemidos fizeram centenas de tentativas, mas voltaram sem alcançar o objetivo, pois não acreditavam ser possível dormir na montanha. Essa crença se dava em razão das questões climáticas e também ao misticismo da época no qual a montanha era vista como um lugar perigoso e assustador, habitado por monstros e espíritos maus.

Estatua de bronze de Balmat observado o Mont Blanc

Mas, no dia 8 de agosto de 1786, o camponês Jacques Balmat e o médico Michel Gabriel Paccard conseguiram realizar a façanha e pisar pela primeira vez no ponto mais alto dos Alpes. Balmat foi o grande responsável por essa conquista. O camponês saiu para procurar minerais e “Chamois” (cabra montanhesa) e não conseguiu retornar para a casa antes do cair da noite sendo obrigado a pernoitar na montanha. O infortúnio lhe rendeu o prêmio, a fama e o título de conquistador do Mont Blanc quando mais tarde se juntou a Paccard numa expedição até o topo. Saussure também pisou no cume dessa montanha guiado por Balmat após a conquista em 1787.

Até essa data pouquíssimas pessoas tiveram o interesse de subir a uma montanha e menos ainda a fizeram por lazer. Além do que a maioria da população não tinha nem tempo nem dinheiro para gastar subindo montanhas. Foi só após a conquista do Mont Blanc que houve uma revolução na forma como a montanha era vista e surgiram diversas novas conquistas na Europa. Os Alpes ficaram pequenos e os alpinistas passaram a buscar novas montanhas em outros países e continentes, disseminando assim por todo o mundo o montanhismo moderno.

 

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

Deixe seu comentário