Equipes buscam por piloto de parapente desaparecido nos EUA

0

As buscas pelo piloto de parapente norte americano, James “Kiwi” Oroc (Johnson), continuam em Nevada, nos EUA. Ele esta desaparecido desde sábado, 22/08, quando decolou de uma montanha chamada Shoshone, perto da montanha Round e planejava voar para Wendover.

James “Kiwi” Oroc (Johnson) se preparando para um voo

O ultimo registro enviado pelo GPS de Oroc foi por volta das 14 horas de sábado, e mostrava a sua localização a mais de quatro mil metros de altitude no Pico Ninemile. Entretanto, Oroc era um piloto experiente e acostumado a voar longas distâncias. Seu último recorde foi de 384 km em Quixadá, no norte do Brasil.

No sábado, ele pretendia fechar o percurso do voo de 114 km no próprio dia, porém não chegou ao seu destino nem enviou pedido de ajuda. Assim, a operação de busca começou no domingo com uma equipe de pilotos sobrevoando a área que ele pretendia passar e outra vasculhando a área onde o GPS registrou sua última localização.

Oroc é um piloto com mais de 30 anos de experiência.

Uma grande logística foi montada para tentar encontrar o piloto. Os resgatistas contam com helicópteros equipados com tecnologia infravermelho. A equipe de busca acredita que o sinal do seu GPS Garmin InReach foi enviado enquanto ele estava em queda livre, e que Oroc possivelmente acionou o equipamento reserva e voou a favor do vento.

Uma das principais dificuldade encontrada pelos resgatistas é a baixa visibilidade causada pelos incêndios florestais.  Entretanto, eles seguem com as buscas. “As circunstâncias e condições de Johnston são desconhecidas neste momento”, disse o porta-voz do  Gabinete do Xerife do Condado de Nye. “A busca continua”, completou.

James “Kiwi” Oroc (Johnson)

Oroc nasceu na Nova Zelândia mas morava em New Orleans. Ele possui mais de 30 anos de experiência como piloto de parapente e já voou em mais de 40 países pelo mundo.

Em 2011, Oroc participou das buscas de seu amigo e piloto de parapente desaparecido, Xavier Murillo, no Peru. Se trabalho e suas aventuras, foram destaque em revistas, filmes e na MTV Sport.

 

 

 

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

Deixe seu comentário