Oito dicas para melhorar os seus treinos em casa

1

Em tempos de quarentena com academias, parques e montanhas fechadas, muitas pessoas estão recorrendo aos treinamentos físicos em casa para manter um bom condicionamento físico. Os treinos também são atividades saudáveis para a mente e ajuda a combater a ansiedade durante esse período. Além de manter o corpo preparado para quando pudermos voltar para as montanhas. Mas é preciso ter alguns cuidados para não se lesionar e fazer com que o seu treino renda mais.

Treinar faz bem para o corpo e ajuda a combater a ansiedade

Veja abaixo algumas dicas para treinar em casa:

1 – Vestimentas adequadas

Assim como na academia, é importante usar roupas leves e que não travem nenhum movimento. Em casa, você pode até treinar de pijama ou com aquela roupa surrada, mas não deixe de usar um bom tênis. Os calçados apropriados para atividades físicas amenizam o impacto nas articulações, principalmente em treinos que você precisa saltar e/ou flexionar o joelho. Assim, você evita lesões e desconfortos durante e depois dos exercícios.

Use calçados adequados

2 – Retome com calma

Se você fez aquela pequena pausa durante o início da quarentena, pode já ter perdido o condicionamento que tinha antes. Por isso, ao retornar para as atividades não exagere. E também não se cobre tanto por rendimento, isso poderá fazer você se frustrar e achar que os treinos em casa não são bons.

3 – Evite interrupções

Quem esta trabalhando em Home Office ou treinando em casa sabe que há muitas distrações circulando a todo o momento. Por isso, antes de começar a treinar prepare o ambiente, se for preciso tire as crianças, gatos e cachorros da sala. Por mais que você ame a companhia deles, você terá outros momentos para interagir. Ou então, se for mais fácil, se tranque no quarto e coloque a plaquinha de “não perturbe” na porta. Não se esqueça de colocar o celular no silencioso também. Assim, seu treino renderá mais!

4 – Água

Se hidratar é importante, e para você não ter que parar no meio da atividade para ir até a cozinha tomar um copo de água, separe desde o início uma garrafinha ou squeeze. Se for um dia quente ela é mais importante ainda e pode ser acompanhada por uma toalhinha para enxugar o suor. Assim como fazemos na academia.

Prepare o ambiente antes do treino.

5 – Procure um profissional

Para saber qual é a atividade física ideal para você nesse momento, não há nada melhor do que pedir orientação para um profissional de Educação Física. Mesmo estando em casa é importante fazer os exercícios da forma correta e com uma rotina adequada de treino. Por isso, procure a ajuda de um profissional para montar o seu treino. Nesse momento, existem várias pessoas da área trabalhando online com seus alunos. Com certeza, você irá encontrar um que te agrade em suas redes sociais ou perguntando para os seus amigos.

6 – Aquecimento é importante

Eu sei que dá muita preguiça de fazer o aquecimento na academia. E em casa pode ser pior ainda. Mas é importante aquecer para preparar o seu corpo para o exercício. Ao se aquecer, você lubrifica as articulações, deixa os músculos mais oxigenados, com maior fluxo sanguíneo e aumenta gradativamente os batimentos cardíacos evitando o estresse no seu sistema cardiovascular. Cortar o aquecimento para fazer um treino mais rápido nem sempre é tão vantajoso assim.

7 – Respire corretamente

Uma parte importante do exercício é respirar corretamente. Não esqueça de respirar, assim o treino fica mais fácil e o rendimento é melhor. Se tiver dúvidas de como fazer as inspirações e expirações, peça ajuda ao seu treinador, ele poderá lhe dar dicas para você realizar durante o treino.

8 – Alongue-se

Mesmo após ter completado todo o seu treino, ainda não é o fim. É preciso se alongar principalmente para evitar dores musculares e lesões. Mas o alongamento também trabalha a flexibilidade, melhor alinhamento corporal e provoca uma sensação de bem estar e relaxamento. Por isso, ao final do seu treino, tenha um momento a mais de carinho consigo mesmo e com seu corpo e alongue-se.

:: Leia também Treino Mental Simplificado

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

1 comentário

Deixe seu comentário