Turismo no Chile volta ao normal após crise

0

A crise política e social no Chile iniciada em outubro de 2019, com manifestações violentas, toque de recolher e o fechamento parcial de aeroportos assustou os turistas que buscam diversão e aventura no país. Inesperadamente, muitas pessoas cancelaram suas viagens para evitar transtorno.  Entretanto, desde dezembro a situação vem se normalizando e os visitantes estão voltando a frequentar as grandes cidades e pontos turísticos do país.

A região do Atacama tem economia fortemente baseada no turismo de aventura e nas montanhas.

Turistas que estiveram no Chile no último mês relatam que a situação nas ruas esta tranquila e que presenciaram poucas manifestações, sendo todas pacíficas.  Ainda em dezembro o governo divulgou uma nota afirmando que aeroportos e serviços de transporte como ônibus e táxis já estavam operando normalmente. Assim como a situação das travessias na fronteira com a Argentina ou Bolívia também voltou ao normal no início do mês. Com efeito, essa é uma boa notícia para quem pretende escalar as montanhas da região.

As montanhas do Chile

O Chile possui inúmeras montanhas e roteiros de aventura que atraem milhares de montanhistas todos os anos e movimenta a economia de algumas regiões. As cidades de Copiapó, Pucón e San Pedro de Atacama são alguns dos destinos mais procurados por montanhistas. Aliás, a economia dessas cidades esta baseada na mineração e no turismo.

Parque Nacional de Torres Del Paine atrai turistas com suas belezas naturais.

Desses locais partem expedições para grandes vulcões e montanha como Ojos Del Salado, Nevado San Francisco, Licancabur, Lascar e Villarica. Também esta localizado no Chile, o Parque Nacional de Torres Del Paine que atraem centenas de trekkers com suas mochilas nas costas em busca dos famosos circuitos de caminhada.

Praticantes do montanhismo de altitude a no norte do Chile.

A subsecretária do Turismo do Chile, Monica Zalaquett, revelou que o setor de turismo sofreu uma queda de 50% no número de reservas. Entretanto o governo e empresários apostam na retomada do turismo no Chile para ajudar a dar novo fôlego na economia do país.

 

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

Deixe seu comentário