Reserva é rejeitada em Antonina e Guaraqueçaba - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Preservação da economia?

Reserva é rejeitada em Antonina e Guaraqueçaba

A criação da Reserva Biológica Bom Jesus em Antonina e Guaraqueçabai foi "totalmente rejeitada pelas duas comunidades", informou a prefeitura de Antonina.

Fonte: Jornal Correio do Litoral

Segundo a Assessoria de Comunicação, na consulta pública promovida pelo Instituto Chico Mendes Conservação e Biodiversidade (ICMBio), na quinta-feira, 10, no Theatro Municipal de Antonina, os moradores declararam ser a favor da preservação, mas contra a criação de uma reserva biológica ou até mesmo de um parque nacional. A proposta “acirrou os ânimos”.

De acordo com texto divulgado pelo jornalista Erly Welton, assessor da prefeitura de Antonina, o prefeito Carlos Augusto Machado “Canduca” diz que a região de Mata Atlântica das duas cidades é uma das áreas mais preservadas do país e não corre qualquer risco.

“O tipo de reserva biológica que tem como objetivo a preservação integral, sem interferência humana direta ou modificações ambientais, deveria ser implantada em áreas de risco, como na Amazônia, por exemplo, em que a exploração desordenada vem causando um imenso desmatamento e afetando diretamente o clima em todo o mundo”, afirmou o prefeito. ”Mas Aqui em Antonina e em Guaraqueçaba não, uma vez que não existe nenhuma ameaça real ou virtual de desmatamento e exploração desordenada”, assegura.

Ainda segundo o texto da prefeitura, diante “do afinado coro de rejeição às propostas do Ibama e Instituto Chico Mendes, a discussão foi postergada para outra ocasião, em que serão estudadas as possibilidades de criação de uma reserva de uso sustentável”.

Segunda a matéria do jornal "Correio do Litoral", o mesmo tem tentado há vários dias obter informações com a direção do ICMBio e com as assessoras de imprensa, sem obter resposta.

Fonte: Jornal Correio do Litoral

Publicidade:


Publicidade

Publicidade