Trilogia brasileira nos Alpes - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Montanhas da Europa

Trilogia brasileira nos Alpes

Os montanhistas Luiz Felipe Moura e Antonio Carlos Andrigo já retornaram da Europa, onde escalaram as 3 montanhas mais famosas dos Alpes: Mont Blanc (4.808 m), Matterhorn (4.478 m) e Eiger (3.970 m).

Fonte:

Eles são membros do Grupo de Escalada Esportiva e Montanhismo da Unicamp - GEEU e já participaram de várias outras expedições, sendo a última delas na Cordilheira Branca (Peru) em julho de 2009.

A expedição começou no dia 03 de julho, com uma viagem para Paris e logo em seguida para Chamonix, considerada a capital mundial do alpinismo. De lá os montanhistas subiram para o refúgio Cosmiques e no dia 08/07 chegaram no cume do Mont Blanc pela rota conhecida como ‘des trois monts’, pois passa pelo Mont Blanc de Tacul e pelo Mont Maudit, antes de chegar no cume do Mont Blanc.

De Chamonix a dupla foi para Zermatt na Suíça. Subiram para o refúgio Hornlihutte e no dia 14/07 chegaram no cume do Matterhorn pela rota Hornligratt. Durante a descida eles pegaram uma tempestade de neve e tiveram que passar a noite na parede, suportando temperaturas negativas. Somente com o amanhecer eles conseguiram descer até o refúgio.

A etapa seguinte começou na cidade de Grindelwald, também na Suíça. Felipe e Andrigo subiram para o refúgio Mittelegi e no dia 18/07 chegaram no cume do Eiger pela rota Mittelegigratt. A descida foi feita pela rota Sudgratt, realizando assim a travessia do Eiger. Devido às dificuldades e à extensão da travessia, os montanhistas chegaram no refúgio Monch somente as 23 hs, depois de 16 horas de escalada.

Com o sucesso nas 3 escaladas a dupla conseguiu completar a Trilogia dos Alpes, considerada um projeto bastante complexo e difícil. O blog da expedição (http://www.expetrilogia.blogspot.com) foi atualizado regularmente, com relatos e fotos da aventura.

A Expedição Trilogia dos Alpes 2010 teve o patrocínio da Conquista Montanhismo, Ginásio de Escalada 11A e Academia Cinética. Contou ainda com o apoio da Red Bull, Balitur e Trilha do Esporte.

Publicidade:


Publicidade

Publicidade