População se mobiliza para reabertura de Parque Nacional - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Polêmica na Chapada dos Guimarães

População se mobiliza para reabertura de Parque Nacional

O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães é um dos destinos mais populares do ecoturismo no Brasil. Seu fácil acesso e próximadade de Cuiabá, no entanto, atraiu também muitos vândalos e turistas mal educados. Agora com o parque fechado, as comunidades próximas sofrem com a decadência econômica.

Fonte:

A Chapada dos Guimarães é um dos parques nacionais mais visitados do Brasil. Sua grande beleza cênica aliada com a próximidade de Cuiabá, no entanto, atraiu não apenas os turistas que gostam de natureza, mas também pessoas mal educadas e despreparados para o convívio em meio natural.

Depois de diversos problemas com estes visitantes indesejados, no que contabiliza a depredação do patrimônio público, pixações de rochas, uso de entorpecentes, descarte de lixo em lugares impróprios e queimadas criminosas, o IBAMA do Matro Grosso decidiu pelo fechamento do parque.

Desde o fechamento do Parque Nacional, em abril deste ano, as comunidades locais sofrem com a queda do movimento turístico. A cidade de Chapada dos Guimarães, famosa pelo seu clima ameno e pela riqueza do ecossistema, registra uma diminuição de aproximadamente 60% no comércio, no setor hoteleiro e no movimento cultural.

A prefeitura de Cuiabá, em parceria com a prefeitura de Chapada dos Guimarães e sociedade civil, realiza hoje, o movimento “O parque é nosso” que tem por objetivo chamar a atenção da população para a situação ecônomica do município de Chapada dos Guimarães e atrair novamente os turistas para a região.

Cerca de mil pessoas são esperadas na mobilização. 130 mudas de 15 diferentes tipos de árvores nativas serão plantadas e em abraço simbólico será feito pelos parcipantes.

A Secretaria de Meio Ambiente de Cuiabá, o IBAMA e a as Secretarias de Meio Ambiente e de Turismo de Chapada dos Guimarães trabalham para reabrir o Parque. Após audiência pública, um termo de cooperação foi firmado entre as instituições que, juntas, estão realizando as reformas necessárias dentro da Unidade de Conservação, a avaliação da capacidade de carga na região, e controle de entrada e saída para visitação.

Enquanto o Parque não abre suas portas, há outras opção para quem deseja conhecer a região de Chapada através de outros pontos turísticos que estão abertos à população. Entre eles, rio Mutuca, rio Claro, rio Paciência, Terminal da Salgadeira, os chapadões, os mirantes e a própria cidade de Chapada dos Guimarães com seu roteiro gastronômico e histórico.

Conforme a Comissão de Avaliação, a reabertura do Parque Nacional deverá acontecer na primeira quinzena do mês de julho de 2008.



Publicidade:


Publicidade

Publicidade