Big Wall na Patagônia - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
E a temporada só começou

Big Wall na Patagônia

Uma cordada francesa composta por Lise Billon, François Poncet, Jeremy Stagnetto, Jerome Sullivan e espanhol Pedro Angel Galán Diaz lograram êxito em um antigo objetivo, escalar o pilar sudeste de Cerro Murallón na Patagônia.

Fonte: Pataclimb.com

Conforme relatado no site Pataclimb.com dia 12.12.2012, "se existe uma rota que pedia por ser escalada, é essa", escreve o colunista patagônico Rolando Garibotti. "Esta é uma rota remota, completamente independente e muito difícil". "A escalada da temporada", prevê ele, embora a temporada esteja apenas no início. Ele sabe do que fala.

 
A via, “Pilar do Sol Nascente”, tem 1.000 metros de parede e é graduada em 7b, A1, WI 6 e M6. O time foi composto por Lise Billon, François Poncet, Jeremy Stagnetto, Jerome Sullivan e espanhol Pedro Angel Galán Diaz. Os dois últimos foram agraciados com o prêmio FEDME 2012 de alpinismo europeu por sua ascensão à face oeste da Agulha de Dru (3.754m), em invernal, pelas vias "Les Papas", "Pilar Bonatti", e pela abertura da variante "Les Gitans” 7a A3/ 800 metros. Escalaram a rota em nove dias dormindo em rede na parede. "Uma escalada verdadeiramente criativa (...) que os argentinos José Luis Fonrouge e Rafael Juarez foram os  primeiros a tentar em 1974", conclui Garibotti.
 
O Cerro Murallón se localiza na patagônia, na borda oriental do campo de gelo patagônico sul, a sudoeste do Lago Viedma, bem na fronteira entra a Patagônia e o Chile, e possui 2.830 metros de altitude.
 
 
 
 
 
 
 

Publicidade:


Publicidade

Publicidade