Nepalês de 81 anos abandona tentativa de record no Everest - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Enfim, alguma decisão sensata

Nepalês de 81 anos abandona tentativa de record no Everest

Nepalês de 81 anos abandona tentativa de se tornar mais velho a escalar o Everest. Min Bahadur Sherchan se vu em situação perigosa quando as condições climáticas pioraram, deixando sua escalada e registro de record para o vovô de 80 anos de idade, o japonês Yuichiro Miura.

Fonte: guardian.co.uk

Semanas atrás noticiamos aqui no altamontanha que o nepalês de 81 anos de idade tentaria bater o record do japonês, entretanto, abandonou sua tentativa de escalar o Monte Everest, deixando o alpinista japonês com o título de pessoa mais velha a escalar a montanha mais alta do mundo.
 
Um membro da equipe, Dame, disse Min Bahadur Sherchan, tinha desistido um dia antes devido as condições climáticas que foram piorando no final da temporada de escalada desta primavera para o Himalaia. Ele teria feito a tentativa mais cedo, mas teve problemas com o levantamento de verbas e isso foi resolvido somente no final de maio.
 
Sherchan Tornou-se o mais velho alpinista do Everest em 2008, aos 76 anos. Ele detinha o recorde até duas semanas atrás, quando o alpinista japonês Yuichiro Miura de 80 anos escalou a montanha.
 
O dinheiro tinha sido um grande obstáculo para Sherchan. No momento em que seus problemas financeiros diminuíram no final de maio, o tempo piorou. A temporada de escalada popular, primavera, termina em maio na Everest. As monções varrem o país em junho, tornando a escalada de diversas montanhas impossível.
 
Relatos dão conta de que a rota já estava instáve vez que o calor tornou o gelo escorregadio e derreteu seracs onde escadas e cordas são fixados. Também Tem chovido nos últimos dias no Nepal.
 
Mais de 500 alpinistas escalaram o Everest na penúltima semana de maio durante a janela de condições climáticas favoráveis, mas quando a maioria dos escaladores tinha feito as malas e deixou a montanha, Sherchan foi até lá e começou a sua escalada.
 
Dame, que usa apenas um nome, disse que as condições eram muito perigosas para Sherchan tentar a escalada, e que teria sido difícil de obter ajuda se tivesse havido uma emergência. Ele retornou logo depois de deixar o acampamento base a 5300 metros de altitude e estava de volta a Katmandu, em apenas 2 dias mais.
 
Membros da família de Sherchan disseram que ele estava planejando descansar agora e realizar uma conferência de imprensa em alguns dias e apresentar suas razões para abandonar a tentativa.
 
 
 
 

Publicidade:


Publicidade

Publicidade