Equipe encontra pegadas do Yeti - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Abominável

Equipe encontra pegadas do Yeti

Uma equipe de exploradores japoneses afirma ter encontrado no oeste do Nepal algumas pegadas que podem ser do ser mitológico conhecido por "Yeti", o popular "Abominável Homem das Neves".

Fonte:

Yoshiteru Takahashi, o líder da expedição, diz que os rastros foram encontrados a uma altitude de 4 mil e 800 metros na montanha Myagudhi Maata. O grupo de alpinistas voltou com fotos das pegadas gigantes, que tinham cerca de 20 centímetros de comprimento.

A equipe do projeto "Yeti Japão" passou mais de 40 dias tentando gravar imagens da misteriosa criatura, sem sucesso.

"Os rastros se parecem com pegadas de humanos, medem 20 centímetros, mas é impossível uma pessoa caminhar descalça na neve nessa montanha", afirmou Kuniaki Yagihara, membro da equipe.

Ele alega que não há vilas nem casas na região, e as pegadas também não eram de animais. "Nós sabemos como são as pegadas de ursos ou veados, e estes animais nem sobem até essa altitude. Definitivamente, os rastros são do Yeti", garantiu Yagihara.

A lenda do "Abominável Homem das Neves" continua sendo difundida entre os povos que vivem na região do Himalaia, entre o Nepal e o Tibete. O primeiro relato, que deu origem à lenda, é do explorador britânico B.H. Hodgson, que em 1832 afirmou ter visto uma criatura gigante, metade homem, metade macaco.

Desde então, muitos montanhistas já disseram ter visto o Yeti ou encontrado pegadas misteriosas, mas sua existência nunca foi provada.

Até hoje, ninguém conseguiu uma prova da existência do Yeti, embora muitos rumores tenham sido registrados.

O registro visual mais famoso até hoje ocorreu com o explorador Anthony Wooldridge em 1986. Ele estava acampado nas montanhas localizadas no norte da Índia quando acreditou ter visto o Yeti a alguns metros do acampamento. Segundo ele, o Yeti teria ficado imóvel por 45 minutos.

Depois de examinado o local, restou comprovado, no entanto, que a criatura avistada seria apenas uma pedra coberta de neve. Anthony Wooldridge admitiu que tinha se enganado.

Informações da AFP

Para saber mais:

:: Expedição japonesa procura pistas do Yeti

:: Site da expedição japonesa: www.everest.co.jp/yeti2008/

Publicidade:


Publicidade

Publicidade