Andes Xtremo, 35 montanhas em 60 dias - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
E é somente a preparação...

Andes Xtremo, 35 montanhas em 60 dias

Em apenas dois meses, o alpinista equatoriano Santiago Quintero pretende percorrer mais de 1200 quilômetros e subir mais de 40 quilômetros de altura para subir todas as montanhas com mais de 4.000 que se existem em seu país.

Fonte:

O equatoriano Santiago Quintero revelou seu novo projeto hoje. Como preparação para sua escalada ao K2, ao final de maio, ele pretende escalar 35 montanhas equatorianos que possuem mais de 4 mil metros de altitude. Talprojeto prevê que ele escale em 8 províncias do Equador, percorrendo mais de 1.200 quilômetros e, se juntasse todas as montanhas, é como se subisse uma montanha de 40 mil metros!

"Há alguns anos, já passava em minha mente a idéia de subir todas as montanhas do meu país. Loucura? Me perguntava constantemente por onde será esta ou aquela montanha. Alguns nomes nunca havia nem ouvido falar e não tinha nem de como chegar a base de algumas destas montanhas", revelou Santiago.

Segundo o alpinista, foram algumas notícias de aventureiros "loucos" que ele leu na internet que o motivaram a realizar esta expedição. "Li uma matéria de dois escaladores franceses que tentavam um projeto que consistia em escalar todas as montanhas com mais de 4 mil metros dos Alpes em apenas 82 dias. Lembro que torci muito pelo sucesso dos dois, mas um dia chegou a péssima notícia de que um deles, na 67o. montanha, escorregou e caiu ao vazio, deixando esteprojeto sem seu fim." Explicou Santiago.

A data de partida é o dia 18 de Janeiro, na província de Pichincha, onde Santiago escalará 6 montanhas em apenas 3 dias, e deverá terminar no dia 17 de março, no Chimborazo, que com seus 6.310 metros de altura, é o ponto mais alto do Equador.

O projeto possui um custo estimado de aproximadamente 30 mil dólares e será patrocinado por algumas empresas privadas e do próprio governo, que vê nessa expedição uma oportunidade de ouro para promover o turismo do Equador.

Juntamente as escalada, o alpinista estará também filmando um documentário, que será utilizado pelo governo, para demonstrar as diversas belezas ainda pouco conhecidas do Equador, e também deverá servir como suporte para os montanhistas que queiram escalar algumas das mais belas montanhas do país.

Santiago ainda garante que seu projeto não é para bater recordes. "É somente para desfrutar e conhecer meu país e sua parte geográfica que mais gosto: As montanhas. Busco poder suportar diariamente uma uma carga de esforço muito parecida com a que enfrentarei no K2 em Junho deste ano e penso que aplicar me a este objetivo me deixará psicologicamente e fisicamente pronto para o K2."

Publicidade:


Publicidade

Publicidade