Começa a escalada Invernal do K2

0

A última montanha de 8 mil metros sem ter sido escalada durante o inverno é o K2, a temida montanha da morte. Será que é essa temporada os bravos montanhistas conseguirão domar suas intempéries e chegar ao seu cume em pleno inverno? Será um feito histórico e o sonho de muitos montanhistas.

Acampamento de Concordia no K2.

Esse ano também há o fato de quase todas as outras montanhas estarem fechadas para a escalada. Isso fez com que o K2 recebesse um número alto de alpinistas buscando escalá-lo nesse inverno.

E para ter sucesso numa expedição como essa é fundamental aproveitar todas as janelas de tempo bom, ainda mais se for uma janela de quatro dias de bom tempo como estava previsto para essa semana. Assim, fizeram as três equipes que já se encontravam no acampamento base no dia 27/12, não perderam tempo e correram para a montanha.

O objetivo é levar o máximo de equipamentos e comida para os acampamentos mais altos e realizar a instalação e manutenção de cordas fixas na rota.

Nirmal Purja

Nirmal Purja e sua equipe formada por  Mingma David Sherpa, Dawa Temba Sherpa, Pemchhiri Sherpa, Gelje Sherpa e Mingma Tenzi Sherpa e o cinegrafista Sandro Gromen-Hayes tem planos de chegar até o campo 4 (entre 7.600 me 8.000 m). “Plano de ataque: Amanhã de manhã, minha equipe e eu iremos para os acampamentos de alta altitude. Dependendo da situação, esperamos chegar ao campo 4 e acertar as cordas nos próximos dias. O jogo começou  pessoal”,  publicou Nims.

Nirmal Purja e seus companheiros de equipe no Acampamento Base do K2.

Assim, eles saíram do Acampamento Base apenas um dia após chegar ao local para poder aproveitar a janela de tempo bom. Todavia, devido a uma nevasca e ao peso de suas mochilas, a equipe preferiu permanecer no Campo 2 a 6.700 metros de altitude e retornar as atividades hoje, 29/12.

 Mingma Gyalje Sherpa

O escalador Mingma Gyalje Sherpa  está acompanhado por Dawa Tenzin Sherpa e Kili Pemba Sherpa. Eles já estiveram no Campo 2 levando alguns materiais antes do Natal. Agora eles também se encontram no campo 2 se preparando para subir ao Campo 3 até dia 30/12 e colocar cerca de 900 metros de corda fixa na Pirâmide Negra.

Mingma no Acampamento 1 .

John Snorri

Já John Snorri e sua equipe estão mais cautelosos. No entanto, o plano deles é aproveitar essa janela de tempo bom para chegar até o Campo 2 e aclimatar.

John Snorri durante a aproximação a temida montanha.

Sergi Mingote

Enquanto isso, Sergi Mingote, que co-liderará a expedição da Seven Summit Treks ao lado de Chhang Dawa Sherpa, chegou hoje ao acampamento base do K2. Junto com eles estão os montanhistas Juan Pablo Mohr, Tamara Lunger, Alex Gavan, Mattia Conte, Carlos Garranzo em uma equipe de mais de 30 pessoas contando com carregadores e alpinistas.

Sergi Mignote no Acampamento Base se preparando para escalar.

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

Deixe seu comentário