Machu Picchu reabre para apenas um turista

0

O turista japonês, Jesse Takayama, recebeu uma autorização especial para visitar a cidade perdida de Machu Picchu nesse sábado, 10/10. O local, esta fechado desde março devido à pandemia.

Takayama comemorou a visita especial.

Takayama chegou ao Peru também em março com o sonho de visitar Machu Picchu. Todavia, o parque fechou antes que ele pudesse visitá-lo e o turista japonês decidiu ficar no país e aguardar até a reabertura do local.

Ele passou os últimos sete meses morando em Águas Calientes, próximo a cidade Inca. Nesse tempo, Takayama, que é instrutor de Boxe no Japão, deu aula para as crianças da região e conheceu alguns pontos turísticos da região.

Entretanto, o desejo de Takayama era conhecer Machu Picchu. No início do mês, ele ficou conhecido em todo o país após o jornal peruano La Republicar publicar um artigo sobre sua história, “o último turista em Machu Picchu”. Assim, ele aproveitou e fez um pedido ao governo do Peru e ao Ministério da Cultura que autorizou a visita.

Ingresso comprado por Takayama marca a data um dia após o fechamento do parque.

Apenas ele, acompanhado do diretor do parque, José Bastante, e mais dois fotógrafos puderam entrar na cidade histórica. Em um vídeo gravado no local, Takayama agradeceu e relatou que realmente o local é maravilhoso. Já em suas redes sociais ele publicou comemorando: “A primeira pessoa na Terra que foi a Machu Picchu desde o bloqueio foi eu. Achei que não poderia ir, mas graças a todos vocês que imploraram ao prefeito e ao governo, tive essa oportunidade super especial”.

::Leia também: Machu Picchu terá limite menor de visitantes

Além de poder visitar Machu Picchu antes de retornar para o Japão, Takayama também teve a rara oportunidade de ver a cidade vazia, uma vez que ela estava sempre superlotada antes do início da pandemia, chegando a receber mais de quatro mil pessoas por dia.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Jesse Katayama (@jessekatayama) em

Reabertura oficial

A reabertura do Parque que abriga a cidade de Machu Picchu estava programada para julho, entretanto foi adiada para novembro. Todavia a data exata ainda não foi anunciada, a única decisão do governo até o momento é de que os parques deverão atender apenas 30% do número total de visitantes, ou seja, 675 pessoas por dia.

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

Deixe seu comentário