Visitantes reclamam de multas em acesso do Anhangava

9

Com a reabertura dos Parques Estaduais do Paraná, os visitantes estão voltando a frequentar as montanhas. Todavia, existem novas regras que estão gerando polemica na comunidade de escaladores e montanhistas. Entre elas, a proibição de estacionar na Estrada Anhangava, um dos acessos secundários do Pico Anhangava.

Sinalização presente na via.

No último sábado, 29/08, vários motoristas foram multados ao deixar os carros estacionados nessa via. A estrada conta com sinalização de placas de proibido estacionar em alguns pontos e proibido parar e estacionar em outros. Todavia o escalador e montanhista, Juliano Barcik, questiona a multa que recebeu. De acordo com ele, o carro dele estava a mais de 50 metros de distância de uma das placas.

Barcik diz que faz mais de dez anos que sobe a montanha por ali e que esta decepcionado com isso. Ele diz que deixou o carro as 9h15 da manhã e retornou no final da tarde. A multa foi aplicada as 11h45. O montanhista pretende recorrer da multa, pois segundo ele o auto de infração está com vários erros. “Puxando no Google Maps o número 187 da Rua Anhangava se encontra a uns dois quilômetros de onde o veiculo estava estacionado”, relatou Barcik.

Auto de infração encontrado pelo escalador.

A Prefeitura de Quatro Barras foi procurada e alega que só multou os carros que estavam estacionados de forma irregular. Ainda de acordo com a administração municipal, essa é uma via pré-existente as propriedades e passível de fiscalização. Sobre o questionamento de estar em área particular, esta previsto em lei que o veículo estacionado irregularmente pode ser multado da mesma forma e até mesmo removido.

Compartilhar

Sobre o autor

Maruza Silvério

Maruza Silvério é jornalista formada na PUCPR de Curitiba. Apaixonada pela natureza, principalmente pela fauna e pelas montanhas. Montanhista e escaladora desde 2013, fez do morro do Anhangava seu principal local de constantes treinos e contato intenso com a natureza. Acumula experiências como o curso básico de escalada e curso de auto resgate e técnicas verticais, além de estar em constante aperfeiçoamento. Gosta principalmente de escaladas tradicionais e grandes paredes. Mantém o montanhismo e a escalada como processo terapêutico para a vida e sonha em continuar escalando pelo Brasil e mundo a fora até ficar velhinha.

9 Comentários

  1. Avatar
    Felipe Grob Tomaz em

    O que resultou a ação da prefeitura para multar? É o estado ou “Ordem e progresso” chegando ao Anhangava?
    Eu gosto de usar o serviço do Baitacao, porem algumas vezes estacionei o carro na via e com demais carros nunca presenciei problemas.

  2. Avatar

    Olá Maruza
    Este acesso que vc cita nesta matéria é particular, no plano de manejo do PESB os acessos/trilhas de uso intensivo do Anhangava são Na AsaDelta( sem controle, deveria ser fechada) e na Borda do campo aonde tem o único posto do IAT para cadastramento. A anos estamos buscando a melhor solução para o ordenamento e preservação da Unidade de Conservação estadual e o direcionamento de visitantes para o cadastro é a solução atual.
    Os montanhistas deveriam ser ecologistas e ajudarem a preservação ambiental e a conservação das nossas montanhas, mesmo os que não querem ajudar em nada, deveriam ter a compreensão e se adaptar um pouquinho para ajudar a gestão e os cuidados do Anhangava.
    A questão da rua Anhangava na sua parcela particular já é clara e amparada pela lei de propriedade privada, estamos a muito tempo discutindo e informando a todos, e principalmente a comunidade de montanha sobre isso, temos nosso portão que determina a propriedade, temos placas de ordenamento de trânsito , temos placa do município na entrada e mesmo assim as pessoas param do jeito que quiserem dificultando nossos acessos.
    Aqui não é terra de ninguém, que cada um faz o que quer, estaremos atentos e cuidando das nossas propriedades e do PESB !
    Montanhistas que só querem usufruir, consumir tipo extrativistas da montanha que acham que seus direitos individuais são acima de todos e da natureza e muitas vezes são truculentos e se sentindo superiores a todos nós, a própria biodiversidade, a fauna, a flora, aí rios, a água, a floresta e a própria montanha e que de uma forma ou de outra lutam contra a preservação ambiental claramente, obscuramente e ou até inconscientemente não deveriam frequentar as UCs.
    Colaborem com o gestão do parque, façam seu cadastro e ajudem a preservar nossas montanhas

    • Avatar

      Olá Maruza,
      Muitas pessoas não leram a placa colocada pela prefeitura, antes do portão. Está escrito: ACESSO LIVRE Estrada do Anhangava. Permitido o acesso a pedestres, ciclistas e moradores locais. Autorizado somente para veículos locais, oficiais e previamente cadastrados no departamento de Turismo.
      Os veículos que poderão subir de carro serão informados que não se estaciona ao longo da estrada. A estrada é estreita e a área é de manobra para veículos oficiais em situação de emergência.
      A estrada não comporta a quantidade crescente do número de veículos querendo estacionar de qualquer jeito bloqueando, inclusive, o acesso de quem mora por ali.

    • Avatar

      Olá Maruza,
      Muitas pessoas não leram a placa colocada pela prefeitura, antes do portão. Está escrito: ACESSO LIVRE Estrada do Anhangava. Permitido o acesso a pedestres, ciclistas e moradores locais. Autorizado somente para veículos locais, oficiais e previamente cadastrados no departamento de Turismo.
      Os veículos que poderão subir de carro serão informados que não se estaciona ao longo da estrada. A estrada é estreita e a área é de manobra para veículos oficiais em situação de emergência.
      A estrada, há muito tempo, não está comportando a quantidade crescente do número de veículos querendo estacionar de qualquer jeito bloqueando, inclusive, o acesso de quem mora por ali.

    • Avatar

      Vocês não buscam proteger e sim cercear o direito a todos de usufruirem de uma bela obra criada por Deus! Vcs aproveitam o dinheiro público para impedir que as pessoas de bem tenham acesso adequado ao local! Não tem um mínimo de respeito pelos visitantes e se acham tbm acima da lei e da ordem e de todos!!!

  3. Avatar

    Olá Maruza,
    Muitas pessoas não leram a placa colocada pela prefeitura, antes do portão. Está escrito: ACESSO LIVRE Estrada do Anhangava. Permitido o acesso a pedestres, ciclistas e moradores locais. Autorizado somente para veículos locais, oficiais e previamente cadastrados no departamento de Turismo.
    Os veículos que poderão subir de carro serão informados que não se estaciona ao longo da estrada. A estrada é estreita e a área é de manobra para veículos oficiais em situação de emergência.
    A estrada, há tempos, não comporta a quantidade crescente do número de veículos querendo estacionar de qualquer jeito bloqueando, inclusive, o acesso de quem mora por ali.
    Tudo isso já foi amplamente discutido e rediscutido!

  4. Avatar

    Eu também fui multada. Foi minha primeira vez lá, acabamos entrando pelo lado errado. Quando chegamos (por volta das 7 horas da manhã) as 3 vagas disponíveis estavam ocupadas. Achamos que não teria problema estacionar perto pois não estava atrapalhando a passagem. Acabamos voltando bem na hora que o guarda estava preenchendo a multa e ele nos informou que um morador que tinha um cargo importante denunciou. Acho que poderia existir uma notificação nesse caso, em vez de multa, mas paciência.

  5. Avatar

    tem que multar mesmo, e não só os carros, a multa deveria ser para as pessoas que deixaram seus rastros no morro, muito lixo, musica alta, churrasco, vergonhoso…a montanha é de todos, mas tem gente que não respeita.

  6. Avatar
    Thiago J. Wojtecki em

    deveriam cobrar entrada no parque e usar o $$ para ampliar o parque desapropriar as áreas no sopé da montanha! Façam um estacionamento coletivo antes do portão e também parem de poluir o local com seus automóveis, imagino também que 100% das fossas sépticas dos moradores locais estejam completamente em ordem…

Deixe seu comentário