O pulso ainda pulsa - AltaMontanha.com - Portal de Montanhismo, Escalada e Aventuras
Assunto pendente resolvido.

O pulso ainda pulsa


Colunista:

Fraco, mas pulsa. Depois de oito meses recebendo quimioterapia e torcendo pra dar tudo certo, passada a última etapa da consolidação, a medula deu pra trás de novo. Ela simplesmente não se recuperou depois da última quimioterapia e isso foi ha mais de sessenta dias já (recebi a última dose de quimioterapia no dia 09AGO2013). Continuo com as contagens baixíssimas mas, pelo menos, a medula só está lenta e não contamina meu sangue com blastos. Entretanto, sabemos que isso é uma situação transitória e que logo irá se reverter para pior. Diante de tanta porcaria, por que não viver mais um pouquinho?

Texto



Publicidade