Hideki Maeda, pioneiro da travessia Marins x Itaguaré, falece

4

Ontem, dia 1 de outubro de 2020, o montanhismo brasileiro perdeu um de seus personagens, o Senhor Hideki Maeda, considerado um “guardião” da Serra da Mantiqueira, onde vivia.

Hideki Maeda

Senhor Maeda, como era chamado, nasceu no Japão e migrou para o Brasil há 50 anos. Ele tinha uma pousada em Marmelópolis, município mineiro que abrange o Pico do Marinzinho, local onde ele deixou um enorme legado: Ter sido o responsável pela abertura da tradicional travessia Marins x Itaguaré, ter aberto a trilha ao Marinzinho, um dos primeiros na Serra Fina, todos clássico brasileiros. Além disso, ele mantinha um Museu em sua propriedade, mantendo viva a história do montanhismo brasileiro.

Hideki sofreu um acidente doméstico onde queimou 63% de seu corpo. A casa onde ele residia com a família pegou fogo. Ele entrou no local para ajudar a nora e os netos que estavam dentro da residência e foi surpreendido por uma explosão. Ele estava hospitalizado em Itajubá desde o dia 5 de setembro, porém, no alto de seus 80 anos de idade, acabou não resistindo aos ferimentos.

Nossos sentimentos à família, amigos e a toda a comunidade montanhista.

 

 

 

Compartilhar

Sobre o autor

Redação - AM

Texto publicado pela própria redação do Portal.

4 Comentários

  1. Avatar
    Isabela Verleun em

    Meus sentimentos à família do Sr Maeda a qual tive o prazer de conhecer e seguir os seus ensinamentos. Que ele descanse em paz nos braços do Senhor. Minha gratidão e admiração.

  2. Avatar

    Uma perda insubstituível!!! Estive em sua pousada várias vezes e não cansava em escutar suas histórias… Uma pessoa maravilhosa. Que seu legado se eternize … Meus pesamos a toda família!!!!

  3. Avatar
    Shiroma Ivete Tiemi em

    Japao Suzuka Shi, 2020/10/07 O Sh.Maeda foi o meu Primeiro Patrao (Lojas Maeda em Campinas.) Muito Obrigada ! Dias dificeis, jamais esquecerei dos Sanduiches.
    A Familia Maeda meus Pesames. Shiroma Ivete Tiemi.

Deixe seu comentário