Resultados da busca: Pico da Neblina (144)

Colunistas
Farinha Seca
Por

Na sexta feira, 8 de abril, o tempo estava magnífico, com sol forte e a temperatura agradável que nos motivou em preparar as mochilas. No Paraná temos um nome especial para o primeiro dia de sol depois de dois ou três dias de chuva gelada, chamamos este glorioso dia de segunda feira.

Aventuras
A Cachu-Sem-Nome do Rio Marcolino
Por

Quem desce pra baixada santista pela Rod. Anchieta (SP-150) não pode deixar de reparar numa enorme queda dágua despencando alto dos contrafortes da Serra do Cubatão. Esta bela cachu resulta da junção do Ribeirão Cágado e Rio Marcolino, q depois de serpentear serra abaixo e cruzar a Rod. dos Imigrantes (SP-160), deságua no Rio Pilões q por sua vez é tributário do Rio Cubatão. Pois bem, esta bela queda dágua sem nome é passível de ser alcançada num bate-volta curto e tranqüilo de menos de 4km, ideal prum dia de sol. Mas já contando com uma boa logística de resgate, uma vez q é daqueles típicos lugares onde é fácil chegar, mas dureza de sair.

Colunistas
Monte Verde, paraíso mental e natural
Por

Semana passada troquei e-mails com o Pedro e compartilhei que precisava de uma dose do que os norte-americanos chamam de “some time off”, “a break”. É engraçado um desempregado dizer isso, mas eu precisava realmente desligar um pouco a mente de tanta coisa doida que vem acontecendo, escolhi este verdadeiro paraíso brasileiro, Monte Verde.

Colunistas
Continuando a exploração do PNI – parte 1
Por

Pois é, depois de um ano, continua a minha exploração particular do Parque Nacional do Itatiaia, primeiro parque brasileiro. A iniciativa do feriadão no parque foi idéia do Tácio, dando continuidade ao seu projeto de montanhas de 2010, para tanto ele reservou o abrigo Rebouças e tratou de convidar toda a trupe que era composta pelas figuras: Elias Maio, Flávio Varricchio, Davi Marski, Cintia Marski, Tácio Philip, Paula Neiva, Dom Miranda, Rafael, Patrick Godoy, Pedro Hauck e eu. E lá vamos todos nós pro parque que é habitat natural de montanhistas e amantes da natureza em geral!!

Aventuras
Encontrando o Mundo Perdido
Por

Subir o Monte Roraima era um sonho há muito acalentado. Todos os mitos e lendas que o cercam contaminavam há muito meu coração e, volta e meia, eu me surpreendia admirando, na Internet e em livros, as fotos de suas paredes imponentes e da paisagem lunar que compõe o vasto topo desse tepuy, as montanhas em forma de mesa que marcam a paisagem da savana do sul da Venezuela e do norte do Amazonas e de Roraima.

Aventuras
Meia Travessia do Tabuleiro: Perrengue Anfíbio (quase) abaixo de zero
Por

Não. Não me refiro à pernada q cruza o Ribeirão do Campo, q despeja suas águas na Cachu Tabuleiro e finda na Lapinha, no Espinhaço norte mineiro. Trata-se de outra caminhada bem mais ao sul, em Santa Catarina, q em 2 dias e meio bem puxados sai da pacata São Bonifacio (SC) e percorre td a acidentada crista da Serra do Tabuleiro até findar em Sto Amaro da Imperatriz, 27km à nordeste. Isso td localizado dentro dos limites do Parque Estadual Serra do Tabuleiro, q abriga uma das mais belas e preservadas regiões catarinense, provando assim q o estado tem atrativos trekkeiros q vão alem de suas praias douradas e seu quinhão de encostas da Serra Geral. Pelo menos com bom tempo.

Aventuras
Parque Nacional do Caparaó II
Por

Penúltimo dia de trilha e todos estavam muito animados em conhecer uma montanha do Parque que poucos montanhistas visitam. A Pedra Roxa é a montanha que fica à esquerda de quem está subindo o Pico da Bandeira. O dia estava um pouco nublado e hora o sol dava as caras, hora a neblina baixava e cobria tudo. Pé na bota e vambora!

Aventuras
A Travessia do Milênio
Por

Combinamos antecipadamente fazer a travessia de Bairro Alto até a Graciosa, eu o Taylor Thomaz e o Elcio Douglas Ferreira pela trilha normal do Ferraria, mas decidimos pegar um atalho pela face dos 500 anos (crista) que já havíamos tentado antes. Sendo atalho imaginamos que teríamos que abrir mato no peito e economizaríamos algum tempo, mas este atalho teve um custo de 12 horas, pernas e roupas rasgadas.

1 11 12 13 14 15